cab Volei

Mais um fim-de-semana e os resultados da primeira divisão masculina de voleibol traçam o rumo que prevejo há algum tempo – um Playoff disputado até à margem máxima de resultados em cada jogo entre os atuais principais candidatos ao título: AJ Fonte do Bastardo e SL Benfica.

No Sábado passado o Benfica havia igualado a nível de pontuação a AJFB, sendo que os terceirenses tinham um jogo a menos – disputando apenas no Domingo o confronto com a equipa “sensação” do CA Madalena.

Domingo à tarde, Praia da Vitória, Açores. Com o objetivo óbvio de manter o “galopar” em direção ao título, a Fonte, ao receber o CA Madalena, começa por “descair-se” no primeiro set, perdendo-o e fomentando as esperanças da equipa que detém a 3ª posição do campeonato, juntamente com o Castêlo da Maia. Um Madalena “sensação”, visto que subiu ao patamar mais alto da competição nacional este ano, que já conta com óptimas prestações e que tem inclusive dado algumas “dores de cabeça” em possíveis complicações nas contas da pontuação. A Fonte não deixou grandes oportunidades aos continentais, vencendo os sets seguintes, e deixando, no último, o Madalena “preso” nos 14 pontos do parcial.

A estatística não mente: João José contínua a mostrar a mais-valia que está a ser para a formação açoriana, sendo o segundo melhor blocador do campeonato. Caique Silva, também da Fonte, lidera no ataque, logo a seguir ao “vermelho e branco” Joan Diaz.

Alexandre Afonso - Treinador da AJFB  Record
Alexandre Afonso – Treinador da AJFB
Fonte: Record

Sendo assim, apesar de o Vitória SC não ter comparecido nos jogos nos Açores este fim-de-semana devido aos habituais problemas nas ligações áreas e de ainda haver datas a definir para estes jogos, a Fonte termina a competição de 2013 de forma tranquila. Na minha opinião, esta tranquilidade (que advém dos resultados mais do que claros desde o início da época) é um rascunho do final que fará da formação açoriana um dos mais claros e fortes candidatos ao título.

É certo que o galopar não cessará em 2014. Se isto acontecer, virá a reviravolta a que nos últimos anos se tem assistido – o Benfica volta ao primeiro lugar e a Fonte descai.

Comentários

Artigo anteriorCarta ao Pai Natal
Próximo artigoGrandeza australiana
O Roberto vem dos Açores, mas não está perdido pela capital e gosta do voleibol que se pratica no país inteiro. É treinador grau II, árbitro regional e pratica voleibol há uns anitos. A bola é sempre na rede, ou melhor: por cima da rede!                                                                                                                                                 O Roberto escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.