sl benfica cabeçalho 1

Prestes a sagrar-se campeão nacional de futebol, na Liga NOS 2016/2017, o Benfica pode assinalar um marco na história do clube: vencer o primeiro tetra campeonato. A equipa de Rui Vitória vai entrar em campo para defrontar o Vitória de Guimarães no próximo sábado, e conta com o fator ‘casa’ para ajudar a fazer a festa após o apito final.

Rui Vitória poderá, aliás, passar a integrar o grupo restrito de treinadores do Benfica que foram campeões nacionais nas duas primeiras épocas ao serviço das ‘águias’. Até hoje, apenas Sven-Göran Eriksson, Jimmy Hagan, Guttmann e Lippo Herczka alcançaram esse feito. Para além disso, uma soma inédita de troféus de um treinador da equipa principal do Benfica pode ser conquistada por Rui Vitória ainda este ano. Desde que chegou ao clube da Luz, na temporada passada, o técnico já venceu um campeonato, uma Taça da Liga e uma Supertaça. Caso se torne bicampeão pelo Benfica, o mister será o treinador dos ‘encarnados’ com mais títulos conquistados nas duas primeiras épocas (podendo também juntar à lista mais uma Taça de Portugal, que vai ser disputada com o Vitória de Guimarães, na final do dia 28 de maio, no Estádio do Jamor).

Toda uma série de números que apontam a recordes Benfiquistas, que têm destronado a hegemonia do FC Porto nas últimas épocas. No ano passado, o Benfica venceu o tricampeonato, conquista que não se fazia na Luz desde os anos de 1970. Agora, pode vencer algo que nunca venceu, 4 campeonatos consecutivos. O Sport Lisboa e Benfica tem evidentemente sido dominador no futebol português, tanto que arrecadou para o Museu Cosme Damião 9 troféus nacionais, dos últimos 12 discutidos.

O SL Benfica domina o futebol português Fonte: SL Benfica
O SL Benfica domina o futebol português
Fonte: SL Benfica

O Benfica foi capaz de, com todo o mérito, pôr fim ao ciclo hegemónico do FC Porto, que se arrastava desde os anos 90. Assistimos a uma inversão do domínio em Portugal, que já deixou de ser ‘azul e branco’ e se vai tornando progressivamente ‘vermelho’, depois dos gloriosos anos 60 e 70 do ‘clube da Luz’.

Anúncio Publicitário

Num tempo em que o futebol vive cada vez mais de negócios, de empreendimento, de investimento e de projetos, a indústria futebolística sofre, também ela, inevitavelmente, um ponto de viragem e move milhões de euros. Também nesse aspeto o Benfica se tem mobilizado de forma proveitosa (veja-se o patrocínio milionário da Fly Emirates, o contrato com a NOS ou a aposta na BTV).

No que às competições propriamente ditas diz respeito, o Benfica voltou a ter reconhecimento internacional. Faz parte do TOP 10 Europeu do ranking da UEFA, com duas finais da Liga Europa disputadas (em 2013 e em 2014) e boas prestações na Champions League (chegou aos oitavos-de-final por duas vezes consecutivas, nas épocas de 2015/2016 e de 2016/2017). Dentro de algumas horas, pode tornar-se tetra campeão pela primeira vez.

O Benfica mudou, e com ele renasceu a mentalidade ‘à Benfica’. Os números falam por si e os objetivos futuros são de ainda mais êxitos e triunfos progressivos.

Foto de Capa: SL Benfica

Comentários