sl benfica cabeçalho 1

A lista de atuais empréstimos do Benfica é de tal maneira grande que mereceu uma segunda parte (ver PARTE 1), uma outra parte para analisar a atual situação dos jogadores que acabaram por partir temporariamente.

Pedro Nuno, o estudante de Tondela. Chegou ao Benfica há dois anos e leva já quase outros dois emprestado ao Tondela. Este ano, com 12 partidas realizadas, leva quase as 14 da época passada e tem sido utilizado em muitos jogos consecutivos. Contudo, raros sãos os jogos onde permanece os 90 minutos acabando por ser substituído ou entrar ao longo da segunda parte. É um jovem jogador com qualidade de distribuidor de jogo mas que ainda só tem pernas para palcos mais pequenos, para palcos onde a exigência não é a da Luz.

Patrick Vieira, da madeira para a península. Chegou este ano do Marítimo e foi rapidamente emprestado para o Setúbal mas até ao momento conta com apenas 13 minutos nas pernas. É um jogador que chegou ao Benfica pelas mãos de Luís Filipe Vieira e não por Rui Vitória. O tempo ditará o seu futuro mas não deve passar por representar o Benfica.

Cesar, também da Madeira para a península. Desta vez, o jogador em questão tem-se arrastado de empréstimo em empréstimo e não parece ter qualidade suficiente para impor-se no plantel do Benfica. Chegou a hora de dizer “adeus” em definitivo ao central brasileiro.

Hamdou Mohamed Elhouni, o desconhecido. Chegou ao Benfica na mesma altura que Pedro Nuno mas fez o seu anterior percurso no Santa Clara. Desde que chegou ao Benfica esteve sempre emprestado ao Chaves. Não sou muito conhecedor das suas características mas o números não o destacam dos restantes concorrentes aos corredores ofensivos.

Pêpê, outro menino do Seixal. Fez o seu percurso de formação no Benfica mas este ano acabou por sair por empréstimo para o Estoril – Praia. Habituado a jogar a médio defensivo, mostrou já qualidade para jogar do lado direito e a sua tenra idade, 20 anos, fazem dele um jogador a ter em atenção na restante época. No futuro, quem sabe, não será opção da equipa A do Benfica.

Matos Milos, eu gosto tanto de ti! Sou admirador do croata e dos seus movimentos na ala direita. Trata-se de uma boa opção para defesa direito mas também pode jogar no centro da defesa. Este ano, no Lechia, tem 11 encontros realizados. O final da época será determinante para o jogador e caso o Benfica não o queira por agora, um empréstimo para um clube da primeira liga portuguesa deve ser bem equacionado.

Mato Milos foi contratado, mas nunca jogou no SL Benfica Fonte: SL Benfica
Mato Milos foi contratado, mas nunca jogou no SL Benfica
Fonte: SL Benfica

Diego Lopes, o amigo do Oblak. Diego Lopes foi já um dos mais promissores jogadores do futebol português muito pelo que mostrou na posição 10 no Rio Ave. Destacou-se sempre pela sua visão de jogo e pelos momentos de decisão no último terço do terreno. Nunca se fixou no plantel principal da Luz e merece muito mais do que jogar na Turquia.

Taarabat, sem palavras. É sair. Rapidamente. Tudo para dar espaço ao plantel e não gastarmos os valores que andamos a gastar desde a sua chegada.

Murillo, de Tondela para a Turquia. Não sou conhecedor do seu futebol mas do pouco que vi não tem qualidade para jogar no Benfica.

Óscar Benítez, onde tu andas amigo! Chegou na época passa e fez pré-época onde mostrou muitíssima qualidade em jogar nas costas do avançado. Quando se pensava que iria fixar-se no plantel, acabou emprestado ao Sporting de Braga e agora ao Boca Juniores. Na minha opinião deveria voltar ao plantel e a equipa técnica deveria tentar perceber de que forma o argentino pode oferecer qualidade ao plantel.

Assim se conclui a “fornada de emprestados” onde, na minha opinião, podemos perceber que há um exagero de número de jogadores ligados ao Benfica. Muitos por negócios típicos de Vieira onde não percebemos de que forma podem ajudar o atual plantel do Benfica. O futuro o dirá mas é necessário, no próximo mercado, analisar e solucionar todos os casos de empréstimos de forma a que o jogador e os clubes ganhem com isso!

Foto de Capa: SL Benfica

Comentários