Análise ao mercado do SL Benfica

    - Advertisement -

    Como é que classificas o defeso de transferências das águias?

     

    Depois de uma época interna desastrosa e de uma campanha europeia em que até caiu de pé, o SL Benfica vive agora um período de grandes mudanças, quer no plantel, quer na sua estrutura. A entrada de Roger Schmidt, revela que os encarnados voltaram a apostar em treinadores estrangeiros, algo que não acontece desde a saída de Quique Flores.

    Já em relação ao plantel, este parece longe de estar fechado. O treinador alemão decidiu levar 38 jogadores para o estágio em Inglaterra, já com a inclusão das contratações David Neres, que chega do Shahktar Donetsk sem nunca ter jogado um jogo oficial pelos ucranianos, Alexander Bah que vem do Slavia de Praga, Mihailo Ristic do Montpellier, Petar Musa do Boavista e o central João Victor do Corinthians.

    O número elevado de jogadores em estágio, vem mostrar que são muitos os casos por resolver no plantel benfiquista, que recebeu 12 regressados de empréstimos, e ainda só conseguiu recolocar seis deles.

    Análise ao mercado do SL Benfica
    O médio português terá os dias contados na Luz
    Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

    De entre os casos por resolver destacam-se o de Pizzi e Chiquinho, no caso dos regressados, mas também o de André Almeida, Seferovic, Taarabt, Meité e Rodrigo Pinho. Já Ebuehi e Gabriel nem sequer entram nas contas, devendo mesmo estar para breve a sua colocação.

    No que toca à atuação no mercado das entradas, depois dos cinco nomes que já estão integrados no plantel, as águias, após desistência da contratação de Reinier, já garantiram Enzo Fernández, ex-médio centro do River Plate que vem trazer grande expectativa para o futuro do Futebol encarnado, tanto futebolística como financeiramente falando.

    Até porque o próprio já fez saber que o SL Benfica é uma espécie de trampolim para se transferir para um clube maior. Algo que quem anda no Futebol já sabe que assim funciona, mas que não é usual esta honestidade gritante.

    Resumindo, o SL Benfica contratando um ponta-de-lança, um extremo direito, um médio para a faixa central, dois laterais (esquerdo e direito) e um defesa central, reforçou, assim, todas as zonas o terreno.

    Contratações cirúrgicas, as realizadas por Schmidt e pela estrutura benfiquista com um único objetivo, voltar a levantar o troféu de campeão nacional, que foge das vitrines do museu Cosme Damião desde 2018/2019.

    A meu ver, tanto em relação ao timoneiro, como em relação às entradas de jogadores, está no bom caminho. Colmatar a preponderância de Darwin na época transata e melhorar o desempenho do conjunto que atua no Estádio da Luz são os grandes desafios que o SL Benfica terá para a época que se avizinha a passos largos.

    Artigo revisto por Joana Mendes

    - Advertisement -
    spot_img

    Subscreve!

    Artigos Populares

    Rosdet Nascimento
    Rosdet Nascimentohttp://www.bolanarede.pt
    O Rosdet é santomense e vive em Portugal desde muito jovem. É com orgulha que faz parte do Bola na Rede e considera-se uma pessoa dedicada, motivada, focada e organizada, e prometo dar o seu melhor, como sempre faz em tudo o que se envolve. Apesar de ser informático de formação, e de ter trabalhado em empresas como a HP, Nokia, Microsoft ou Nestlé, a sua paixão sempre foi escrever. Seja blogues, textos, artigos de opinião, copywriter ou livros. Já fez de tudo um pouco e está preparado para mais um projeto.
    Bola na Rede