TAÇA NA LUZ SEM ESPAÇO PARA FACILITISMOS

Esta terça-feira é dia de meias-finais da Taça de Portugal. O Sport Lisboa e Benfica recebe o Futebol Clube de Famalicão numa eliminatória a duas mãos, que coincide exactamente com o fim-de-semana do Clássico no Dragão.

A equipa de João Pedro Sousa chega a esta fase da competição depois de ter eliminado o FC Paços de Ferreira na capital do móvel. Nos quatro jogos disputados, somente sofreu um golo na deslocação ao Lusitânia FCL. Nesta altura, a equipa de Famalicão não se encontra no seu melhor registo de resultados. Apesar das quatro vitórias consecutivas após o desaire por 4-0 na Luz, encontra-se agora há três jogos sem vencer. Apesar disso, conserva ainda um quinto lugar de respeito no campeonato.

UMA SURPRESA DO FC FAMALICÃO NA LUZ PODE DAR-TE MUITO LUCRO! EMPATE A 6.55 e VITÓRIA NA LUZ A 12.50! EM QUEM VAIS ARRICAR?

Anúncio Publicitário

O Sport Lisboa e Benfica irá entrar neste jogo condicionado pelo duelo com o FC Porto no próximo sábado. Contudo, não poderá haver espaço a facilitismos. A equipa de Bruno Lage chegou a esta fase da competição após eliminar o Rio Ave e conta com onze golos em somente quatro jogos, sendo que Vinícius com quatro golos é o melhor marcador das equipas ainda em competição. Contudo, o Benfica já consentiu cinco golos. Ao contrário do seu adversário, os encarnados encontram-se com um registo imaculado de seis vitórias consecutivas e uma clara liderança no campeonato nacional.

Nesta disputa à final da prova Rainha em Portugal, estará o maior gigante da competição na procura da sua 27ª conquista. Do outro lado, um clube com uma enorme aspiração de fazer história. Até agora, a equipa do FC Famalicão só por uma vez, em 1942, tinha alcançado as meias-finais desta competição, tendo caído com um conclusivo 11-0 imposto pelo Sporting CP dos Cinco Violinos.

COMO JOGARÁ O SL BENFICA?

Bruno Lage deverá manter a aposta táctica no seu 4-2-3-1, porém é difícil prever que dinâmicas este sistema irá apresentar. Nesta época de muita irregularidade exibicional, têm sido os jogadores em campo a definir o estilo de jogo da equipa. Assim, o futebol encarnado tem variado muito consoante o 11 apresentado pelo seu treinador. Prevejo que iremos assistir a algumas alterações, o que poderá significar uma perigosa baixa de rendimento do colectivo.

O “salvador” Odysseas deverá ficar na bancada, e na defesa deveremos assistir à entrada de Tomás Tavares e Jardel. Neste jogo deverá ser apresentado aquela que, para mim, é a melhor dupla de médios dos encarnados – Weigl e Taarabt. E será pela qualidade com bola desta dupla que as “águias” poderão ganhar o jogo. No ataque, Pizzi, Rafa e Vinicius deverão descansar. Com Cervi, Chiquinho, Jota e Seferovic a titulares, a equipa poderá sofrer com a falta de dinamismo, inspiração e criatividade deste quarteto.

Será, certamente, um SL Benfica com um intuito ofensivo, mas que poderá facilmente cair no erro de jogar mais sem bola e na exploração da profundidade.

JOGADOR A TER EM CONTA

Fonte: Carlos Silva/Bola na Rede

Adel Taarabt – O marroquino está num momento de forma excepcional e brindou-nos a todos com uma notável exibição no último jogo para o campeonato. Mais leve, mais solto, mais confiante e mais confortável consigo, com a equipa, com as bancadas e com a bola. É, sem dúvida, o principal motor de criatividade desta equipa, o mais talentoso do plantel encarnado. Deverá aproveitar a oportunidade deste jogo de Taça para, mais uma vez, se divertir e nos divertir com a bola no pé. Incansável na recuperação, e genial na condução e construção.

XI PROVÁVEL:

4-2-3-1: I. Zlobin, T. Tavares, R. Dias, Jardel, Grimaldo, Weigl, Taarabt, Chiquinho, Jota, Cervi e Seferovic.

COMO JOGARÁ O FC FAMALICÃO?

Ao contrário do que aconteceu no jogo para o campeonato, João Pedro Sousa não deverá fazer qualquer alteração táctica. O treinador dos famalicenses deu a entender ter percebido onde errou nesse jogo e fez questão de sublinhar que a sua equipa já atingiu outro nível de maturidade. Assim, acredito que irá entrar com o seu 4-3-3 numa tentativa de ganhar o meio-campo, impedir a primeira fase de construção das águias e conseguir colocar bola e dar apoios aos seus jogadores mais criativos.

Certamente, não irão aparecer na Luz a oferecer bola ou a explorar a profundidade do ataque, e deverão manter-se fiéis ao seu futebol de risco com bola no pé a partir dos centrais. Tentarão condicionar a saída de bola do SL Benfica e explorar o espaço junto aos defesas com a criatividade tanto de Diogo Gonçalves, como de Fábio Martins.

O central Patrick William, o lateral Lionn e o extremo Lameiras poderão ser a excepção do treinador do FC Famalicão. No banco ficará o joker do golo – o avançado Anderson Silva.

JOGADOR A TER EM CONTA

Fonte: FC Famalicão

Fábio Martins – Notabilizou-se no GD Chaves, teve dificuldades de afirmação no SC Braga de Abel Ferreira e agora brilha ao serviço do espantoso FC Famalicão. Gosta de partir da esquerda para o centro, para melhor explorar o seu muito bom pé direito. Meia-distância e capacidade de abrir uma defesa só com um passe. Fábio Martins é um desequilibrador com golo e uma excelente relação com a bola. Esta época já conta com sete golos e quatro assistências, e neste jogo será, certamente, o maior quebra-cabeças da defesa encarnada.

XI PROVÁVEL:

4-3-3: Vaná, I. Pinto, Riccieli, R. Miranda, Centelles, G. Assunção, Racic, P. Gonçalves, D. Gonçalves, F. Martins e T. Martinez.

Foto de capa: Carlos Silva/Bola na Rede

Artigo revisto por Joana Mendes

Comentários