Rui Costa, Bernardo Silva, João Carvalho, João Félix… e agora Tiago Dantas. Considero esta como sendo a linhagem de jogadores formados no Sport Lisboa e Benfica com cérebros nas botas, tal é a classe que tinham ou têm enquanto jogadores do Glorioso. É certo que, entre o primeiro e o segundo nome, existe um espaço temporal algo largo; no entanto, a verdade é que, nestes últimos anos, o Caixa Futebol Campus tem trazido ao de cima aquela que é, quanto a mim, a imagem de marca do “jogador à Benfica”: um jogador altivo, com um orgulho muito seu, com recortes de classe, pinceladas de magia e de cabeça sempre erguida. Em suma, o jogador que nos faz comprar o bilhete para o jogo (desculpa, Pablito…!).

Mas de quem se trata este jovem lisboeta? Para quem não o conhece ainda, Tiago Dantas é um médio-centro de 17 anos cumpridos somente em Dezembro passado. Estando no Benfica desde os seus dez anos, Tiago tem mostrado sempre a sua qualidade e preponderância nos vários escalões por onde passou. A prova dessa preponderância não se resume somente aos números ou títulos conquistados (seis títulos distritais); em cada etapa do seu crescimento, o médio tem sido a escolha para capitão de equipa, o que reflecte desde já a sua inteligência dentro de campo.

O futuro de Tiago Dantas é bastante promissor, tendo tudo para ser dos jogadores mais geniais a sair do viveiro do Seixal
Fonte: SL Benfica

Quem olha para Dantas pela primeira vez, não resistirá, certamente, a pensar no quão frágil poderá ser este jogador. Nada mais errado. No alto do seu 1,64m, consegue pôr em sentido toda uma equipa. De batuta na mão, organiza jogo, puxa pelos colegas, pensa, controla, recebe, desmarca, desmarca-se, assiste e faz golo. É mais uma prova de que a altura de um jogador não define em nada a sua capacidade, nem sequer o seu talento. Aqui, bem pelo contrário, por ser um corpo mais pequeno parece que o talento está ainda mais concentrado.

Toda esta influência é fruto de características próprias de um jogador de qualidade. Este médio tem uma capacidade de passe apuradíssima, suportada por uma visão de jogo, tomada de decisão e inteligência bastante acima da média para um jovem da sua idade. Sempre bem orientado e concentrado para receber a bola em condições, é também dono de um primeiro toque e controlo de bola de alto nível.

Anúncio Publicitário

Tiago Dantas tem ainda um caminho a percorrer, o que é normal para uma jovem promessa. Mas, ao mesmo tempo, possui tudo o que é necessário para estar incluido no lote de jogadores mais geniais a sair do Caixa Futebol Campus. Se o leitor ainda não viu um lance que seja da sua autoria, convido-o a fazê-lo. Se gosta da essência do Futebol, decerto não se irá arrepender. Quanto a nós, Benfiquistas, é desfrutar, pois com a rapidez com que os nossos talentos se vão embora poderemos não ter muitos anos para assistir à sua ascensão. Esperemos que chegue, pelo menos, à equipa principal. É essa a nossa vontade e, quase de certeza, a vontade do Tiago.

Foto de Capa: SL Benfica