Terminada uma época pobre em títulos, chegou a altura de fazer uma exaustiva análise a tudo aquilo que falhou e procurar solucionar todos os problemas que, ao longo de todo o campeonato passado, foram como uma pedra no nosso sapato. Uma das críticas mais apontadas à estrutura benfiquista foi a falta de reforços e, com isso, a falta de soluções para os setores mais fragilizados do plantel. Pensando já na próxima época, quais são então os setores mais fragilizados e que precisam de ser reforçadas? E que soluções têm sido apontados ao SL Benfica?

Desde cedo ficou claro que as soluções apresentadas para substituir Ederson na baliza não foram as melhores. Svilar e Bruno Varela não transmitiram a confiança necessária como guardiões da baliza encarnada, deixando todos os benfiquistas com saudades do brasileiro que rumou ao Manchester City e que é, nos dias de hoje, um dos melhores guarda redes do mundo. A baliza das águias é, portanto, um setor que precisa de ajustes, estando já um nome apontado como reforço: Odysseas Vlachodimos, alemão de 24 anos que vem do Panathinaikos e que assinou por 5 épocas.

Odysseas Vlachodimos já foi apresentado como reforço do SL Benfica
Fonte: SL Benfica

Outro setor a precisar de algumas ‘remodelações’ é a defesa encarnada. Apesar de Luisão e Jardel serem duas peças importantes dentro do plantel no que diz respeito à união e liderança, estão ambos na casa dos trinta, portanto são necessárias opções viáveis. Tyronne Ebuehi, lateral direito de 22 anos vindo da 1ª liga holandesa e Gérman Conti, defesa central argentino de 23 anos vindo do Colón, são dois dos nomes para já apontados para reforçar a defesa das águias. É necessário também encontrar uma opção viável a Fejsa, para que, em caso de lesão ou castigo, o Benfica não sinta tanto a falta do sérvio no meio campo.

Por último, é necessário reforçar o ataque benfiquista que, apesar de não ser um setor fragilizado (tendo nós um dos melhores marcadores da europa), é imprescindível acabar com a dependência que existe em relação a Jonas. Apesar de dispormos de nomes como Seferovic e Raúl Jimenez no plantel encarnado, nem o suíço nem o mexicano possuem a confiança e a veia goleadora do brasileiro de 34, tendo sido apontado como opção Nicolás Castillo, chileno de 25 anos que vem diretamente da 1ª liga mexicana.

Foto de Capa: SL Benfica

Comentários