Tem sido noticiado que a saída de Jardel do SL Benfica estará para acontecer no final da presente temporada. O capitão do SL Benfica é o único jogador do plantel que termina contrato no final da época, sendo que, até ao momento, não existem indícios de renovação.

Jardel chegou ao SL Benfica em janeiro de 2011, tendo sido contratado ao SC Olhanense, depois de ter representado o GD Estoril Praia na época anterior. Atualmente, Jardel realizou já quase 300 jogos de águia ao peito, 17 dos quais na temporada atual. O percurso de Jardel no SL Benfica ficou marcado por vários altos e baixos em termos de utilização.

Anúncio Publicitário

Depois de nas primeiras temporadas ter sido o terceiro central da equipa, seria após a venda de Garay ao FC Zenit, no verão de 2014, que o central brasileiro se afirmou como titular, já aos 28 anos, realizando duas temporadas de grande nível, com golos decisivos e sendo uma peça importante na conquista dos “bi” e “tri” campeonatos.

No entanto, a partir da temporada 2016/17 começariam os problemas com lesões. Apesar de ainda ter sido habitual titular nas temporadas de 2017/18 e 2018/19, o seu rendimento e disponibilidade física já não eram os mesmos, sendo que, nas últimas duas temporadas, foram vários os jogos em que o capitão do SL Benfica saiu devido a problemas físicos.

Jardel conta já com mais de 250 jogos pelo SL Benfica
Jardel conta já com quase 300 jogos pelo SL Benfica
Fonte: Sebastião Rôxo/ Bola na Rede

Mais do que os bons períodos que Jardel teve no SL Benfica, o brasileiro destacou-se pela entrega, dedicação e profissionalismo que demonstrou nos seus dez anos de águia ao peito. Jardel nunca se mostrou insatisfeito nos momentos em que era pouco utilizado, nunca procurou forçar a saída do clube, nunca deixou de trabalhar afincadamente e esperou sempre pela sua oportunidade.

Quando chegou ao SL Benfica, poucos acreditavam que Jardel pudesse tornar-se numa referência. No entanto, no seu auge, jogou a um nível que poucos acreditavam que era possível de atingir. Agora, estando quase a fazer 35 anos, apesar de continuar a ser uma opção de confiança para Jorge Jesus, já não dá as garantias necessárias (sobretudo do ponto de vista físico) para ser uma opção válida.

O SL Benfica tem tido sérias dificuldades em quebrar ciclos nos últimos anos, mas o mínimo que se pode dar a um jogador que sempre deu o melhor de si enquanto cá esteve é que se saiba quebrar o ciclo na altura certa.

Jardel merece o carinho e o reconhecimento dos adeptos por tudo o que deu ao SL Benfica nos últimos dez anos, pelo que está na hora de passar o testemunho de uma forma digna e honrosa.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome