O Benfica venceu o Sporting de Braga, em mais uma exibição que deixou muito a desejar. A grande surpresa do encontro foi o facto de Cardozo nem no banco de suplentes estar devido a lesão. E é ai que começa um dos grandes problemas deste jogo e da época em geral. O Benfica vive dependente de Cardozo. É alarmante a má forma que atravessam os avançados do Benfica. Lima, jogador que admiro muito, está a milhas do que fez a época passada, Rodrigo parece ter desaparecido, depois da lesão que sofreu às mãos de Bruno Alves, e Funes Moris apenas me faz questionar o porquê da sua contratação.

A primeira parte é a maior amostra disso mesmo. Poucas oportunidades, poucas ideias e a sensação de que com Cardozo em campo as coisas podiam ser resolvidas mais cedo. O Benfica vivia sobretudo de Markovic, que continua a jogar nas alas. Para quando a colocação do sérvio no meio, onde irá render muito mais? Markovic tem de jogar no meio! É aí a sua posição. Vamos esperar pelo regresso de Salvio para ver se Jesus deixa de ser teimoso. Quanto ao Djuricic, uma das surpresas para este 11, desperdiçou mais uma oportunidade para se mostrar. Começam a ser demasiadas já.

Matic e Éder, as duas figuras da noite Fonte: Mais Futebol
Matic e Éder, as duas figuras da noite
Fonte: Mais Futebol

Mas as culpas não podem cair apenas no ataque do Benfica. A equipa entrou mais uma vez apática, numa altura onde o Benfica parecia voltar às boas exibições. Será que a pausa fez mal ao Benfica? O que valeu foi o golo de Matic. Um bom golo, um bom roubo de bola e um Matic que parece voltar ao Matic do ano passado.

O resultado foi bem melhor do que uma exibição que ficou a condizer com o tempo: cinzenta e fria. Isto tudo frente a um Braga que assustou por várias vezes. Queria também destacar a exibição de Éder. Numa altura em que se fala da questão do ponta de lança na selecção, Éder voltou a mostrar que é uma opção válida e, na minha opinião, a opção mais forte.

Anúncio Publicitário
Artigo anteriorA Traição de Götze
Próximo artigoFC Porto 1-1 Nacional: O pecado da finalização
O André apoia o Benfica, mas, acima de tudo, gosta de comentar o futebol em geral. Adora assistir às primeiras pré-eliminatórias das provas europeias e é fã do Stoke City.                                                                                                                                                 O André não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.