Anterior1 de 3Próximo

FC Penafiel e SL Benfica B somaram um ponto dos três disputados na 10ª jornada da Segunda Liga. Os penafidelenses aumentaram para seis a série de jogos sem vencer e as águias somaram a segunda partida consecutiva sem conhecer o sabor da vitória.

Após dez minutos pautados pelo equilíbrio, Pedro Álvaro abriu o marcador com um golpe de cabeça certeiro em correspondência a uma excelente bola batida por Vukotic, na marcação de um pontapé de canto pelo lado direito. A urgência levou ao imediatismo e a turma de Miguel Leal tentou responder assim que possível, deixando em sentido a defensiva encarnada logo no minuto seguinte.

Os 15 minutos que se seguiram não viram lances de perigo, mas viram o controlo da partida tender ligeiramente para os forasteiros. Ao passar a marca dos 25 minutos, o Penafiel começou a impor-se no jogo e a circundar a área benfiquista.

Os penafidelenses não criavam muitas oportunidades, mas também não precisaram para chegar ao empate. Decorria o minuto trinta e cinco quando o lado esquerdo dos visitados construiu magistralmente a jogada que terminou com a finalização certeira de Ludovic.

Motivados pelo golo e cientes da intranquilidade da equipa B do Benfica, os homens do norte voltaram a criar perigo três minutos volvidos, numa dupla oportunidade de Schons. Num primeiro cabeceamento, Fábio Duarte levou a melhor e, num segundo momento, de novo de cabeça, o médio brasileiro atirou ao lado.

Até ao intervalo, os pupilos de Miguel Leal não largaram as rédeas do jogo, apesar de só terem assustado Fábio Duarte em tempo de descontos, com um remate cruzado a não passar longe do poste esquerdo da baliza das águias.

O Municipal 25 de Abril acolheu uma partida em que a vontade não cooperou o suficiente com a qualidade para haver um vencedor
Fonte: SL Benfica

No tempo regulamentar do segundo tempo, as duas equipas equivaleram-se a todos os níveis e em todos os parâmetros da partida, sem que houvesse um claro dominador e um claro subjugado. Tanto visitados como visitantes procuravam a vantagem, com a mesma vontade, mas também com a mesma eficácia. Como tal, Luís Ribeiro e Fábio Duarte tiveram pouco trabalho e o que tiveram não foi de difícil cumprimento.

No entanto, o Penafiel podia ter mesmo chegado à vantagem nos minutos de desconto. Ruster e Gleison, entrados na segunda parte, desperdiçaram duas belíssimas oportunidades para prender os três pontos no Estádio Municipal 25 de Abril. A falta de eficácia, no entanto, manteve o resultado já registado ao intervalo até final no marcador e Penafiel e Benfica B somam um ponto cada, mantendo a distância entre si na tabela classificativa (Penafiel – 12 pontos em nove jogos, Benfica B – 11 pontos em dez jogos).

ONZES INICIAIS E SUBSTITUIÇÕES:

FC Penafiel: L. Ribeiro, Filipe Macedo, Paulo Henrique, Ludovic (Gleison, 79´), Coronas, Alan Schons, Ronaldo, Rafa Sousa (Ruster, 90+1´), Romeu Ribeiro, João Paulo, Yuri.

SL Benfica B: Fábio Duarte, João Ferreira, Pedro Álvaro, Morato, Nuno Tavares, Vukotic (Chrien, 62´), David Tavares, Diogo Mendes, Rodrigo Conceição, Tiago Dantas (Tiago Gouveia, 71´), Daniel dos Anjos (Gonçalo Ramos, 82´).

Anterior1 de 3Próximo

Comentários