sl benfica cabeçalho 1

O Benfica começou o ano a vencer. Depois de uma pré-época que não encheu as medidas aos Benfiquistas e da conquista da Supertaça, os tetracampeões nacionais receberam e derrotaram o Sp. Braga por 3-1. Jonas, Seferovic e Salvio foram os autores dos golos das ‘águias’, enquanto Hassan marcou o único golo dos minhotos.

No onze inicial dos ‘encarnados’ não houve surpresas. Apenas Eliseu não tinha alinhado como titular na Supertaça e entrou para a titularidade para substituir o lesionado Grimaldo.

A equipa de Rui Vitória entrou sem medos e a controlar o jogo. O primeiro golo surgiu logo aos 14 minutos, pelo pé de Seferovic, que encostou após um cruzamento de Jonas. O camisola 14 dá cartas e promete lutar por um lugar indiscutível no onze do Benfica.

Não foi difícil para a equipa da Luz chegar ao segundo golo, por uma bonita jogada de Jonas. O brasileiro continua a mostrar qualidade e a fazer as delícias do povo Benfiquista. Ainda antes do intervalo, a equipa de Abel Ferreira agitou as redes da baliza de Bruno Varela, num golo que fez tremer os adeptos mais céticos.

Anúncio Publicitário

Se o Benfica havia entrado forte, na segunda parte não foi diferente. O ataque Benfiquista pressionou muito a área dos Braguistas. No entanto, Hassan ainda colocou a bola na baliza dos ‘encarnados’, mas o árbitro ditou um fora-de-jogo claro ao jogador.

Aos 57 minutos, Salvio alarga a vantagem no marcador, fazendo o terceiro golo para as ‘águias’, na sucessão de um cruzamento de Cervi. O Benfica não deixou de pressionar, mas o Sp. Braga voltou a marcar um golo, também invalidado, desta vez, a Vukcevic.

É de realçar ainda a estreia do jovem Diogo Gonçalves no campeonato pela equipa A do Benfica. O miúdo da formação entrou nos minutos finais para render Cervi.

Numa exibição muito satisfatória, o Benfica inicia assim com uma vitória saborosa a longa caminhada até ao tão desejado penta.