Sporting CP 0-4 SL Benfica: Encarnados carimbam passagem com goleada

    A CRÓNICA: ENCARNADOS INCISIVOS PERANTE LEÕES APÁTICOS

    Na Academia de Alcochete, o Sporting CP e o SL Benfica encontravam-se para lutarem pela vaga nas meias finais da Youth League.

    As duas equipas entraram cautelosas e mais preocupadas em cometer erros defensivos do que em criar desequilíbrios no setor defensivo do adversário. Não é de estranhar, por isso, que não tenham existido claras oportunidades nos primeiros 25 minutos.

    A primeira oportunidade do duelo foi para os leões, na sequência de uma iniciativa de Rodrigo Ribeiro que atirou forte ligeiramente por cima da baliza de Samuel Soares.

    Este lance parece ter sido o gatilho para as duas equipas acordarem ofensivamente e as águias responderam no minuto seguinte por Luís Semedo que obrigou Callai a aplicar-se na baliza.

    À passagem dos 29´, são os visitantes a chegarem à vantagem. Numa jogada bem construída, Ndour entregou a Diego Tavares, que do lado esquerdo, centrou para a grande área onde Pedro Santos cabeceou para o fundo das redes leoninas.

    Até ao intervalo, o Sporting não conseguir criar lances de perigo e a situação potencialmente mais perigosa em que Menino ficaria isolado perante Samuel Soares, o guardião encarnado antecipou-se de cabeça e resolveu a situação de forma corajosa.

    No segundo tempo, os leões entraram mais balançados para o ataque em busca do empate, mas sem conseguir chegar com perigo ao reduto adversário.

    Já o Benfica, apesar de estar em vantagem, não deixou de procurar o golo e dilatou mesmo a vantagem. Muita passividade na defensiva leonina e desta vez com os papeis invertidos, Pedro Santos assistiu, da esquerda, Diego Moreira que fez o 2-0 aos 57´.

    Sem tempo para se recomporem, os leões levariam com um balde de água fria, dois minutos depois. Numa transição rápida, depois de uma recuperação de bola a meio campo dos encarnados sem pressão leonina na disputa da bola, Luís Semedo entregou a Diego Moreira, que cruzou rasteiro para Pedro Santos alargar a vantagem.

    Não há duas, sem três. Bem pode dizer o Sporting porque aos 65´, ficou reduzido a dez elementos, fruto da expulsão de Chico Lamba por uma entrada sobre Pedro Santos que se encaminhava isolado para a grande área. No livre direto subsequente, o avançado do Benfica atirou para fora, com a bola ainda a raspar o poste.

    O jogo baixou de ritmo com muitas substituições realizadas por ambas as equipas. Em desvantagem, o Sporting continuava a ter dificuldades a criar perigo na baliza encarnada, com menos um jogador.

    Mesmo a chegar ao minuto 90, recuperação de bola encarnada, com Ricardo Marques a entrar na grande área leonina e a oferecer o golo a João Resende. O guardião leonino defendeu o remate do jogador encarnado, mas não conseguiu impedir a recarga de Diego Moreira.

    Os encarnados acabaram por golear os leões, com muita coesão e qualidade nas transições rápidos e aproveitando os erros do adversário.

     

    A FIGURA

    Sporting CP 0
    Fonte: Carlos Silva/ Bola na Rede

    Diego Moreira – O avançado do Benfica foi essencial na passagem dos encarnados às meias finais da Youth League.

    Participou nos quatro golos encarnados, com dois golos e  duas assistências. Foi uma dor de cabeça para a defensiva leonina, não só para Gonçalo Esteves, mas também para os centrais, nos seus movimentos interiores.

     

    O FORA DE JOGO

    Sporting CP 0
    Fonte: Carlos Silva/ Bola na Rede

    Chico Lamba – O defesa leonino esteve tal como todo o setor defensivo do Sporting muito passivo perante as transições rápidas dos encarnados.

    Depois dos leões sofrerem dois golos de seguida e de terem arriscado nas substituições, a sua expulsão foi mais uma pedra na engrenagem do Sporting, num lance em que novamente mostrou alguma passividade.

    Depois de ser ultrapassado pelo avançado do Benfica, acabou por tentar chegar à bola em carrinho, mas tarde demais para evitar o contacto com o adversário.

     

    ANÁLISE TÁTICA – SPORTING CP

    A equipa de Filipe Pedro apresentou-se em 4x3x3, com dois médios de características mais defensivas, Essugo e Renato Veiga, e um mais ofensivo, Mateus Fernandes.

    Miguel Merino Diogo Cabral e Rodrigo Ribeiro formaram o tridente ofensivo. Já depois do golo encarnado, na primeira parte, Merino e Cabral trocaram de lado, o primeiro passou da direita para a esquerda e o segundo vice-versa.

    Depois de terem sofrido o terceiro golo encarnado, Filipe Pedro tentou refrescar a equipa e apostou em mais um elemento ofensivo, Chemiti.

    No entanto, com a expulsão de Chico Lamba, foi obrigado a ir buscar um central ao banco e a jogar com menos uma unidade no setor intermediário para não perder elementos ofensivos.

    11 INICIAL E PONTUAÇÕES

    Diego Callai (5)

    Gonçalo Esteves (5)

    Chico Lamba (5)

     Rafael Fernandes (5)

    Flávio Nazinho (5)

     Renato Veiga (5)

    Dário Essugo (5)

    Mateus Fernandes (5)

     Diogo Cabral (6)

     Miguel Menino (6)

    Rodrigo Ribeiro (6)

    SUBS UTILIZADOS

     João Daniel (6)

    Lucas Dias (6)

    Chermiti (5)

     Gilberto Batista (5)

    Kiko Félix (5)

     

    ANÁLISE TÁTICA – SL BENFICA

    Luís Castro apostou num 4x3x3. Jevsenak era o trinco, responsável pela interligação entre os centrais e o meio campo encarnado e para ajudar os fechar os movimentos ofensivos leoninos.

    Ndour e Martim Neto, este último também responsável pela marcação das bolas paradas, eram os restantes elementos do setor intermédio. Pedro Santos, Diego Moreira, nas pontas, e Luís Semedo, ao centro, constituíam o trio atacante nos leões.

    11 INICIAL E PONTUAÇÕES

    Samuel Soares (7)

    João Tomé (6)

    Tomás Araújo (7)

     António Silva (7)

     Rafael Rodrigues (6)

    Jevsenak (6)

     Martim Neto (6)

    Ndour (6)

     Diego Moreira (8)

     Pedro Santos (8)

    Luís Semedo (7)

    SUBS UTILIZADOS

    Martim Ferreira (6)

    Nuno Félix (6)

    João Resende (6)

    Ricardo Marques (-)

    Hugo Félix (-)

    - Advertisement -

    Subscreve!

    Artigos Populares

    Diogo Leite na mira de gigante da Serie A

    O AC Milan mostrou interesse em Diogo Leite. O...

    Final de Futsal: Sporting vence Braga no segundo jogo

    O Sporting venceu o Braga por 2-0 no segundo...

    Qualificação Mundial 2026: Cabo Verde vence e Angola empata com Camarões

    Disputaram-se esta terça-feira várias partidas africanas para a qualificação...

    Danilo Pereira: «Melhorámos aspetos desde o jogo com a Croácia»

    Danilo Pereira já reagiu ao encontro entre Portugal e...
    Pedro Filipe Silva
    Pedro Filipe Silvahttp://www.bolanarede.pt
    Curioso em múltiplas áreas, o desporto não podia escapar do seu campo de interesses. O seu desporto favorito é o futebol, mas desde miúdo, passava as tardes de domingo a ver jogos de basquetebol, andebol, futsal e hóquei nacionais.