Chegou à Luz no dia 12 de Setembro de 2014.

Estreou-se no dia 5 de Outubro de 2014 e no mesmo dia marcou o seu primeiro golo pelo SL Benfica e em pleno Estádio da Luz.

Um história com 183 jogos, 137 golos e 42 assistências.

Este é Jonas. Ou melhor. Este é um pequeno apontamento do que é Jonas. Números, jogos, golos e até assistências. São só uma bonita mas redutora imagem deste génio.

5 épocas de águia ao peito. Muito brilho daquele que tem sido a maior estrela a dançar pelos relvados da Luz.

Jonas é talento, Jonas é golo, Jonas é visão, Jonas é entrega, Jonas é personalidade, Jonas é professor, Jonas é adepto, Jonas é entrega, entrega à camisola, ao símbolo que carrega no peito. Jonas é genial.

Agora, com 35 anos, os problemas físicos agravam-se e as lesões tornam-se mais recorrentes e limitativas. E depois de uma época onde foi determinante na pior fase do SL Benfica e quase ausente na melhor fase, muito se tem falado sobre a possibilidade de Jonas se retirar, de colocar um ponto final no belo poema que tem escrito de bola no pé e águia ao peito.

Jonas é importantissímo para o Benfica, para a consolidação de uma nova afirmação perante a tentativa de recuperação do FC Porto. Jonas faz do SL Benfica uma força ainda mais impactante. Seja a 100%, a 80% ou a 60%. Seja como titular indiscutivel ou suplente de luxo.

“Jonas é talento, Jonas é golo, Jonas é visão, Jonas é entrega, Jonas é personalidade, Jonas é professor, Jonas é adepto, Jonas é entrega, entrega à camisola, ao símbolo que carrega no peito. Jonas é genial”
Fonte: SL Benfica

Cabe ao departamento médico do SL Benfica perceber o quanto limitado está o craque brasileiro. E cabe a Jonas perceber se ainda se sente capaz de dar o seu contributo ao Sport Lisboa e Benfica nos relvados. Mesmo limitado, se o jogador se sentir capaz e o departamento médico o der como apto, o lugar de Jonas é no plantel do SL Benfica para 2019-20.

Jonas necessita de tempo para passar a batuta. A sua importância no relvado, nos treinos e no balneário é inequivoca. Ensinar os novos jogadores, motivar todos aqueles que estão consigo, apoiar o treinador e espalhar o seu génio pelos relvados sempre que assim for possível e necessário.

Se estivermos perante um cenário sem retorno, um cenário de impossível continuidade, que se mantenha por perto, que Jonas fique pelo menos esta época junto da equipa técnica, junto do plantel, junto dos adeptos benfiquistas.

Jonas merece mais um ano de SL Benfica. Merece despedir-se nos relvados, em festa por mais um título. E o SL Benfica merece mais um ano de Jonas, do seu talento e da sua paixão.

Foto de Capa: SL Benfica

Comentários