logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

SC Braga 3-3 Wolverhampton Wanderers FC: Recuperação garante apuramento para os minhotos

Numa noite de inverno, reunimo-nos no Estádio Municipal de Braga, para a quinta jornada da fase de grupos da Liga Europa, onde o SC Braga mede forças com os “lobos” de Wolverhampton, numa luta entre o primeiro lugar do Grupo K.

No frente a frente de dois treinadores portugueses, o treinador do SC Braga, Ricardo Sá Pinto, não faz qualquer tipo de alteração no onze inicial, em relação ao último jogo europeu, com o Besiktas. Já Nuno Espírito Santo, aposta num onze com mudanças, pondo a jogo Diogo Jota, Jonny e Romain Saiss.

Num início de primeira parte bastante equilibrado entre as duas equipas, nem se pensaria que André Horta construísse a vantagem para o SC Braga aos 6’, de uma forma tão magnífica.

No entanto, num lance de cabeça de R. Jiménez, essa vantagem era destruída. 1-1 para ambos, tudo em aberto.

O jogo continuava equilibrado, até aos 30’, quando a defesa do SC Braga leva um abanão completo: com golos de M. Doherty aos 34’, e logo a seguir, Traoré assegura a vantagem, exclamando o 3-1 para a equipa inglesa ao intervalo.

Na segunda parte, o SC Braga parece ter acordado: Com a entrada de Wilson Eduardo em campo, os guerreiros mostraram um jogo mais consistente e, com o pé de Paulinho, reduz-se a desvantagem para o 3-2.

E, para provar esta teoria, os minhotos conseguem dar a volta ao resultado: numa jogada encabeçada por um pontapé de canto, Fransérgio é feliz e, aos 79’, consegue o empate à equipa portuguesa. Está feito o 3-3, que viria a ser o resultado final do jogo.

Assim, com o empate, para além de ainda se manter no primeiro lugar do grupo, o SC Braga apura-se para os dezasseis avos de final.

Mas que jornada incrível do SC Braga na Europa. Apesar de não ter sido o resultado perfeito, os minhotos dão hoje mais uma prova do incrível momento da equipa portuguesa nas competições europeias.

ONZES INICIAIS

SC Braga – Eduardo (GR), N. Sequeira, Wallace (W. Eduardo 57’), A. Horta, Paulinho (P. Santos 86’) R. Horta, (R. Fonte 73’), Fransérgio, B. Viana, R. Estágio, J. Palhinha, Galeno.

Wolverhampton Wanderers FC – R. Patrício (GR), M. Doherty, R. Neves, R. Jiménez (P. Neto 69’) C. Coady, D. Jota (Cutrone 80’) Jonny, R. Saiss, J. Moutinho, L. Dendoncker, A. Traoré (R. Vinagre 74’).

Natural de Monção, a Angelina é Licenciada em Relações Internacionais e, atualmente, estudante do Mestrado em Economia Social pela Universidade do Minho. Vê o desporto como um dos bons lados da vida, que forma uma boa parceria com a escrita e o jornalismo. O seu interesse pelo desporto surgiu cedo, tendo como principal área de interesse o Futebol, o Ténis e a Fórmula 1.

Natural de Monção, a Angelina é Licenciada em Relações Internacionais e, atualmente, estudante do Mestrado em Economia Social pela Universidade do Minho. Vê o desporto como um dos bons lados da vida, que forma uma boa parceria com a escrita e o jornalismo. O seu interesse pelo desporto surgiu cedo, tendo como principal área de interesse o Futebol, o Ténis e a Fórmula 1.

FC PORTO vs CD TONDELA