O FC Famalicão está de volta à Primeira Liga, 25 anos depois. A equipa liderada por Carlos Pinto beneficiou da derrota do Estoril Praia, adversário direto na luta pela subida de divisão, e fez a festa a partir do sofá.

Porém, o caminho para chegar até aqui não foi fácil. Foi um meio quarto de século, em que a equipa de Famalicão teve várias recaídas e vários obstáculos. Um meio quarto de século em que o FC Famalicão para além da Segunda Liga, disputou o Campeonato Portugal e o campeonato distrital da AF Braga.

Agora, após 25 anos de vários tormentos, o FC Famalicão está de regresso ao convívio com os grandes. Nesta, que é a sétima presença da equipa minhota na Primeira Liga. A última tinha sido em 1993/1994.

Um regresso muito merecido e que premeia a paixão do povo de Famalicão à equipa da terra. Conhecido pela sua grande massa associativa, o FC Famalicão foi um exemplo ao longo de toda a temporada, tendo sido uma das equipas que mais adeptos levou ao estádio tanto em casa, como na condição de visitante. Adeptos que foram o 12.º jogador famalicense em qualquer campo, e que faziam “corar de inveja” muitas equipas da Primeira Liga.

Depois da confirmação da subida, a equipa do FC Famalicão saiu à rua para festejar junto dos adeptos.
Fonte: FC Famalicão
Anúncio Publicitário

Apesar da festa matutina, nem tudo foi um mar de rosas ao longo da época. Uma vez que em março houve uma troca de técnicos devido a maus resultados: saiu Sérgio Vieira e entrou o experiente técnico Carlos Pinto. Uma troca positiva e que deu frutos, quase dois meses depois.

No que ao plantel diz respeito, o destaque recai, naturalmente, sobre o goleador da equipa, Fabrício Simões. O ponta de lança brasileiro é melhor marcador da equipa com 15 golos, muitos deles decisivos para a conquista dos três pontos. De resto, o FC Famalicão é também a equipa mais goleadora da Segunda Liga, com 49 golos apontados.

Agora, de regresso aos palcos maiores do futebol português, o clube mostra-se ambicioso e afirma que quer lutar pelos lugares cimeiros da tabela. O FC Famalicão quer afirmar-se como uma “equipa de primeira” e lutar pelos lugares cimeiros da Liga portuguesa. Uma possível ida às competições europeias é o sonho que se segue.

 

Foto de Capa: Liga Portugal

Comentários