Anterior1 de 2Próximo

Cabeçalho Futebol NacionalArrancou no passado fim-de-semana a Segunda Liga, e arrancou, podemos dizer, bem ao jeito daquilo a que já nos habituou, muito equilíbrio entre equipas e nos resultados, havendo, ainda assim, algumas surpresas em alguns jogos.

Estamos numa fase bastante prematura daquela que será uma longa época e uma longa batalha pela subida á Primeira Liga e pela sobrevivência nos escalões profissionais, mas já é possível retirar algumas ilações do ponto de situação, neste momento, na grande maioria das equipas da Segunda Liga.

A grande surpresa da jornada vai para a derrota do Arouca em Famalicão por 2-0. É apenas a primeira jornada é certo, mas o Arouca arrancou muito mal esta época. Depois de manter um núcleo interessante de jogadores da época passada e ainda ter reforçado algumas posições com jogadores de qualidade individual excepcional para a realidade da Segunda Liga exige-se bem mais do Arouca, que para além da derrota juntou uma má exibição. A fasquia está tão elevada que após este resultado Jorge Costa dispensou imediatamente 4 jogadores (Sancidino, Jubal, Bruno Lopes e Kuca) e ainda se prevêem mexidas no onze base antes do fecho do mercado. Jorge Costa está a ter claramente problemas para motivar alguns dos seus jogadores para jogarem na Segunda Liga e estas dispensas são prova disso mesmo. É o reverso da moeda que por vezes se obtêm ao conseguir manter jogadores que transitam de uma época da Primeira Liga para a Segunda Liga.

O Real SC foi a equipa sensação desta primeira jornada Fonte: Facebook Real SC
O Real SC foi a equipa sensação desta primeira jornada
Fonte: Real SC

Outras equipas revelaram-se como boas surpresas nesta primeira jornada. Para além do já referido Famalicão, que venceu para mim aquele que é o super-candidato à subida, Arouca, o Real SC obviamente que tem que ser mencionado. Com uma goleada por 4-1 ao Leixões, uma entrada em grande por parte do Real SC na Segunda Liga e nos escalões profissionais (sua primeira aparição). Uma estreia em grande teve também Carlos Vinícius, o jogador do Real SC que marcou o primeiro hat-trick da Segunda Liga nesta época e promete ser mais um dos jogadores a revelarem-se ao futebol português através da Segunda Liga, depois de jogadores como Keaton Parks (ex-Varzim, actualmente no Benfica) e Paulinho (ex-Gil Vicente, actualmente no Braga) na época transacta.

Falando de recém-promovidos, tenho também que falar do UD Oliveirense que regressou esta época à Segunda Liga e logo com uma vitória por 2-1 frente ao Benfica “B”, ainda que uma vitória algo polémica, com um penalty aos 90 minutos. O Oliveirense, tal como o Real, arrancou com o pé direito deixando boas indicações sobre a competitividade da Segunda Liga. As duas equipas promovidas ganharem na primeira jornada da Segunda Liga era algo que não acontecia há 10 anos, quando Fátima e Freamunde, recém-promovidos então, venceram as suas primeiras jornadas. É sempre bom sinal quando acontecem entradas assim, pois a transição do Campeonato Nacional de Seniores para a Segunda Liga não é um processo fácil e por vezes requer algum tempo para as equipas se estabilizarem, em alguns casos tarde de mais (ex: Fafe na passada época).

Anterior1 de 2Próximo

Comentários