Na conferência de imprensa desta quinta-feira, o Primeiro-ministro António Costa anunciou o regresso dos jogos da Primeira Liga no final do mês de Maio. Depois de algumas indecisões e da reunião, que contou com os respetivos presidentes do Sporting CP, FC Porto, SL Benfica, da Federação Portuguesa de Futebol e da Liga Portuguesa de Futebol, o desporto-rei vai mesmo retomar em Portugal, ao contrário do que tem acontecido em outros países da Europa.

Devido à covid-19, as competições foram suspensas no dia 12 de março, nessa altura já se tinham disputado 24 das 34 jornadas do campeonato, com o FC Porto na liderança, com mais um ponto do que o segundo classificado, o SL Benfica. Para além do campeonato, também a Taça de Portugal está confirmada, com o FC Porto a medir forças com o SL Benfica, ao que tudo indica, no Estádio do Jamor.

Tendo em conta que ainda faltam disputar 90 jogos do campeonato, mais o jogo da Taça de Portugal, há ainda medidas que podem ser implementadas. Para já, a decisão é esta, mas vai estar ainda sob análise da Direção Geral de Saúde, que vai verificar as condições sanitárias dos estádios antes mesmo de dar permissão para o campeonato retomar nos moldes em que conhecemos.

Regresso da Liga e da Taça de Portugal está previsto no plano de desconfinamento do Governo
Fonte: Governo de Portugal

Aquilo que para já é certo é que tanto os jogos do campeonato como o jogo da final da Taça de Portugal serão à porta fechada para evitar os possíveis aglomerados de pessoas. As decisões anunciadas fazem apenas referência a estes dois pontos, com António Costa a revelar que apenas há condições para retomar a Primeira Liga de futebol, o que presume um fim imediato da Segunda Liga. A questão que envolve as subidas e descidas de divisão será apenas decidida amanhã, às 18h, na sede da Liga.

Anúncio Publicitário

Com o futebol a retomar no final de Maio e com dez jornadas por realizar, tendo em conta a possibilidade de realizar jogos ao fim de semana e durante a semana também, ainda não é possível prever uma data de desfecho, apontado-se ainda assim para Julho o término da competição e consequente disputa da final da Prova Rainha.

As restantes modalidades como o basquetebol, hóquei em patins, andebol e voleibol já tinham sido canceladas ontem, num comunicado conjunto das quatro federações.

Artigo revisto por Inês Vieira Brandão

Comentários