O futebol feminino tem crescido a olhos vistos em Portugal. Muito longe da realidade vivida no futebol masculino, o futebol praticado por mulheres tem vindo aos poucos e poucos a fazer história e impor a sua presença.

A entrada de Sporting CP e SC Braga, e mais recentemente do SL Benfica foi crucial para este crescimento. Para além do profissionalismo, estas equipas vieram trazer visibilidade e competitividade à liga feminina. Criaram equipas de raiz, desde a equipa A até aos escalões de formação. E ofereceram a estas jogadoras as mesmas condições que as equipas masculinas têm, o que proporcionou o regresso de várias jogadoras internacionais portuguesas que jogavam no estrangeiro. Ana Borges, Carole Costa ou Laura Luís são alguns dos muitos exemplos.

Atualmente a liga feminina já conseguiu atrair para Portugal jogadoras cujos países são exemplos para o futebol feminino, acolhendo actualmente internacionais brasileiras, norte americanas ou suecas.

O derby entre o Sporting CP e o SL Benfica teve 15.204 pessoas a assistir e foi um exemplo de fair play
Fonte: Sporting CP

A nível de seleção, Portugal tem feito história a cada passo que dá. Em 2017 participou pela primeira vez num Europeu de Futebol; em 2018 alcançou um inédito terceiro lugar na Algarve Cup e em 2019 entrou para o ranking das 30 de melhores seleções do mundo. A nível de formação, a geração de sub-17 alcançou pela segunda vez na história uma fase final do campeonato europeu da categoria, ao eliminar a seleção francesa, atual primeira classificada do ranking FIFA.

Apesar de ainda estarmos distantes da realidade vivida por outros países europeus como a Espanha ou Itália, Portugal está a caminhar a passos largos para um futuro risonho. Prova disso foi o novo recorde de assistência num estádio… 15.204 foi o número de adeptos que esteve no passado dia 30 de março, a assistir ao derby entre o Sporting CP e o SL Benfica. Um número histórico, naquele que foi o primeiro encontro de sempre destas duas equipas.

Com a subida do SL Benfica ao escalão principal na próxima época é esperado que números como estes se voltem a repetir. A expetativa é que Portugal continue a fazer história, tanto a nível de clubes como a nível de seleção, para que um dia seja o nosso país um modelo a seguir.

 

Foto de Capa: FPF

Comentários