cab futebol feminino

O Clube Futebol Benfica não é a primeira equipa portuguesa a lutar pelo acesso à Liga dos Campeões de futebol feminino. No entanto, este é um momento que marca a formação proveniente de São Domingos de Benfica, em Lisboa, por ser a sua estreia numa competição internacional deste calibre. As croatas do Osijek, as sérvias do Spartak Subotica e as macedónias do CS Norok serão as suas adversárias na disputa da qualificação para os 16 avos de final da Liga dos Campeões.

A 2 de Maio sagraram-se campeãs nacionais ao vencer a Fundação Laura Santos por 5-1. A 6 de Junho alcançaram a “dobradinha” através da conquista da Taça de Portugal frente ao Clube de Albergaria, com um golo providencial de Joana Flores. Depois destas duas conquistas e de um campeonato inesquecível, o tempo de férias do Clube Futebol Benfica revelou-se curto devido à necessidade de preparar a Liga dos Campeões. Com uma dedicação digna de verdadeiras profissionais, as jogadoras reiniciaram os trabalhos a 1 de Julho.

Para além dos treinos tácticos e técnicos a que as atletas estão sujeitas durante o campeonato nacional, a equipa técnica do “Fófó”, em conjunto com o seu fisioterapeuta João Coelho, também organizou um conjunto de treinos no qual foram trabalhados vários aspectos específicos como a velocidade ou a reacção, com o objectivo de prevenir lesões.
Intercalado com este programa, o Clube Futebol Benfica realizou ainda três jogos de treino, sendo que dois deles foram disputados com a campeã irlandesa feminina, Wexford Youths, que também se encontrava em Portugal a preparar a Liga dos Campeões. No balanço final desses dois encontros, regista-se um empate a 1-1 e uma vitória confortável por 3-0 para a equipa portuguesa. Relativamente ao terceiro jogo de treino, o Clube Futebol Benfica arrecadou uma vitória por 5-3 frente a uma equipa masculina sénior. Durante estas cinco semanas de trabalho intenso, a formação, orientada por Pedro Bouças, teve ainda a oportunidade de realizar um estágio, que durou cerca de três dias, em Penamacor.

As pupilas de Benfica realizaram exercícios onde, por diversas vezes, utilizaram uma máscara de forma a dificultar a entrada de oxigénio, tornando o treino mais difícil
Fonte: Facebook do Clube Futebol Benfica

Terminado o período durante o qual a equipa técnica procurou “afinar” a equipa, o Clube Futebol Benfica prepara-se para partir rumo à Croácia, onde irá disputar o Grupo 6 de qualificação para os 16 avos da Liga dos Campeões, entre 11 e 16 de Agosto. O representante português terá como primeiro adversário o Spartak Subotica, que, a par da formação do Osijek, é apontado como uma das equipas que poderá causar maiores problemas à formação orientada por Pedro Bouças. Ainda assim, em declarações à agência lusa, o treinador afirmou que o Clube Futebol Benfica, que já conta com alguns reforços, possui todas as condições para disputar qualquer jogo e que a equipa tem vontade de surpreender. De facto, se o trabalho desenvolvido ao longo das últimas semanas conseguir ser posto em prática dentro das quatro linhas, podemos esperar uma participação bastante positiva da equipa da freguesia de Benfica que, durante anos, foi ofuscada pelo emblema vizinho do Sport Lisboa e Benfica. No entanto, neste momento e e no que diz respeito ao futebol feminino português, não existe um plantel que apresente tanta qualidade como o velho “Fófó”.

As oito vencedoras de cada grupo garantirão a passagem à próxima fase da Liga dos Campeões, onde já se encontram as 24 equipas mais bem classificadas no ranking e que ficaram isentas desta pré-qualificação.

Jogadoras convocadas por Pedro Bouças:

– Ana Teixeira
– Andreia Silva
– Andreia Veiga
– Carla Silva
– Elsa Santos
– Filipa Galvão
– Filipa Patão
– Jamila Marreiros
– Joana Flores
– Mafalda Marujo
– Maria Baleia
– Mariana Coelho
– Matilde Fidalgo
– Patrícia Gouveia
– Raquel Infante
– Sara Ribeiro
– Sílvia Brunheira
– Sofia Nunes

Foto de Capa: Facebook do Clube Futebol Benfica

Comentários