4.

Fonte: FC Porto

FC Porto 3-1 RB Leipzig (2017/18) – Convido-vos agora a dar um salto até 2017, até à quarta jornada do grupo G da prova milionária. O RB Leipzig, naquela que era a sua estreia em provas da UEFA, deslocava-se até ao Porto, onde iria enfrentar uma formação que, assim como os “touros germânicos”, ainda sonhava com a qualificação. Num jogo que, no geral, haveria de ser bem disputado, a diferença acabou por estar na eficácia: e, nesse quesito, a equipa da casa apresentou-se num patamar superior. A história deste encontro começava a ser contada ainda no primeiro quarto de hora: Hector Herrera, após uma série de ressaltos na área alemã, chuta de pé direito, estica as redes e dá vantagem ao FC Porto. Todavia, essa vantagem, no início do segundo tempo, seria anulada por intermédio de Timo Werner, após uma finalização de muita classe por parte do atacante alemão. 1-1 no marcador e parecia ficar a promessa de que não ficaríamos por aqui relativamente a golos; e não ficámos, efetivamente. Primeiro haveria de ser Danilo, em resposta a um cruzamento de Alex Telles, a repor a vantagem portista, por volta da hora de jogo; por último, Maxi Pereira, já nos instantes finais, surge cara a cara com o guardião visitante e confirma o triunfo azul e branco. Com este triunfo, o FC Porto subiria ao segundo lugar do grupo, posto de onde não mais sairia.