fc porto cabeçalhoOs reforços – ou, neste caso, a ausência deles – têm sido o tema principal do quotidiano portista neste Verão. Todos os dias se tenta vender a ideia de que o FC Porto está adormecido e/ou não tem possibilidade de comprar jogadores de qualidade. Embora haja um fundo de verdade na segunda afirmação, nenhuma delas está totalmente correcta.

Sérgio Conceição chegou ao clube há pouquíssimo tempo, mas de certeza já teve tempo para perceber que o dinheiro não abunda. Assim sendo, colocou mãos à obra e chamou desde logo vários jogadores que estiveram emprestados ou ao serviço da equipa B para mostrarem o que valem nesta primeira fase de pré-época. Enquanto isso, a SAD vai vendendo quem não serve ou quem, por força das circunstâncias, tem de vender. Quando este processo terminar – imagino que por volta da viagem para o México – treinador, director desportivo e SAD falarão sobre eventuais contratações tendo em vista reforços cirúrgicos para uma ou outra posição.

Fonte: FC Porto
Fonte: FC Porto

O plantel que Nuno teve nas mãos em 2016/2017 estava longe de ser fraco, mas, entre missas e bruxedos, acabou por se deixar levar pela falta de experiência própria e pela falta de chama do treinador. Entretanto um ano passou, a experiência é outra a fibra do treinador nem se compara. Com isto em mente, quem comanda o FC Porto tem apenas de tentar, como tem feito, manter a base da época passada, vender quem está a mais e contratar jogadores com capacidade para entrarem de imediato no onze.

Ainda falta muito tempo para começar o campeonato e não há Supertaça nem playoff da Champions a disputar, factores que reduzem em muito a pressão sobre Sérgio Conceição para decidir rapidamente com quem conta para o que aí vem. Neste momento são as células benfiquistas que controlam alguns (muitos) meios de comunicação social os maiores interessados em que se fale na ausência de contratações portistas, tentando assim que se fale de outra coisa que não seja correio electrónico, SMS ou actividades paranormais.

Foto de Capa: FC Porto

Comentários