Primeira Liga, 26.ª jornada: sábado, 18h, 10 de abril de 2021
ANTEVISÃO: DE VOLTA À REALIDADE

O FC Porto vai voltar à ação para o campeonato, em Tondela, após o desaire europeu com o Chelsea FC, um resultado difícil de engolir, pela qualidade exibicional que os Dragões demonstraram frente à formação inglesa. Porém, a vida prossegue e a próxima viagem dos azuis e brancos será ao centro do país para defrontar a equipa tondelense, orientada pelo espanhol Paco Ayestarán.

DEPOIS DA ANDALUZIA, VIAGEM ATÉ ÀS BEIRAS. CONSEGUIRÁ O CAMPEÃO VOLTAR ÀS VITÓRIAS FRENTE AO AGUERRIDO CD TONDELA? APOSTA COM A BET.PT!

De referir que, na última jornada, o FC Porto conseguiu encurtar diferenças ao líder, sendo que a atual diferença pontual se cifra nos oito pontos, por isso é imperativo que os atuais campeões nacionais consigam trazer os três pontos para a cidade invicta. Assim, apesar de ser um desafio que está no meio do duelo europeu, Sérgio Conceição não deverá mexer muito naquilo que será o seu onze base. Além disso, há que relembrar que, na 1.ª volta, a equipa do CD Tondela bateu-se muito bem diante do FC Porto, no Estádio do Dragão,  numa partida que contou com 7 golos, tendo ficado 4-3, a favor da equipa da casa.

Atualmente, a formação de Viseu encontra-se confortavelmente no 9.º lugar da tabela classificativa, contudo quererá evitar surpresas desagradáveis e fugir a uma luta intensa, como é a da manutenção. Ao contrário das últimas temporadas, os pupilos de Paco Ayestarán estão decididos a festejar a permanência mais cedo e para isso contam pontuar frente ao FC Porto. Por sua vez, os azuis e brancos ocupam o 2.º posto da Primeira Liga, no entanto sabem que essa posição está longe de estar garantida e, como é costume, Sérgio Conceição só quer olhar para cima e apesar da distância pontual, não quer facilitar a vida ao Sporting CP.

Anúncio Publicitário

10 DADOS RÁPIDOS

  1. O FC Porto e o CD Tondela já se defrontaram duas vezes esta temporada, sendo que o saldo é 100% favorável aos azuis e brancos;
  2. A equipa tondelensenão vence uma única partida frente ao FC Porto desde 2016, onde ficou célebre por Pinto da Costa ter admitido que o clube azul e branco tinha “batido no fundo”;
  3. A formação azul e branca, com Sérgio Conceição no comando, venceu sempre em Tondela a contar para o campeonato;
  4. O CD Tondela já não perde há dois desafios para a Primeira Liga;
  5. Já o FC Porto não cede pontos para a liga portuguesa desde o empate caseiro com o Sporting CP;
  6. A maior vitória dos azuis e brancos, no centro do país, foi de 0-3, na época de 2018/2019;
  7. Cláudio Ramos, atualmente no FC Porto, é o atleta com mais minutos em campo, em confrontos diretos;
  8. Há 10 partidas que o FC Porto não perde com o CD Tondela;
  9. Moussa Marega é o melhor marcador, com 5 golos, nos embates entre estes dois clubes;
  10. O resultado típico entre o CD Tondela e o FC Porto, no estádio João Cardoso, é de 0-1;

JOGADORES A TER EM CONTA

Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

Uribe (FC Porto) – Chegou a vez de destacar o médio internacional colombiano, Uribe. Apesar de não ser muito vistoso em campo, o que pode ser um elogio, o centro campista de 30 anos tem sido uma das peças fundamentais para Sérgio Conceição. Tem como principais tarefas gerir os equilíbrios da equipa, ou seja, não deixar apanhar a formação azul e branca em contra pé, algo que tem cumprido com distinção, devido à sua cultura tática. Deste modo, se tivesse de apelidar Uribe num objeto seria o de “pêndulo” ou de “âncora”. Neste sentido, tem feito uma dupla interessante com Sérgio Oliveira, uma vez que são jogadores que se complementam muito bem e conseguem disfarçar as debilidades um do outro. Assim, no 2.º ano com a camisola azul e branca, Uribe tem a sua posição bem sedimentada no conjunto de Sérgio Conceição, sendo, atualmente, um dos atletas com mais minutos nas pernas.

Mário González (CD Tondela) – O jovem espanhol, emprestado ao CD Tondela, pelo Villarreal CF, tem sido uma das boas surpresas desta edição do campeonato português. À semelhança do que escrevi, relativamente a Uribe, se tivesse de adjetivar a campanha deste avançado, denominaria de “abono de família”, pois tem sido o goleador máximo da formação tondelense. Neste sentido, Mário González é um futebolista com potencial, visto que possui boas características para atuar na posição que ocupa em campo. Ou seja, tem um bom sentido de finalização, como evidenciam os 9 golos na liga, explora bem a profundidade e também sabe dar linhas de apoio. Por isto tudo, o atacante espanhol vai-se apresentar como uma séria ameaça à defesa do FC Porto, que terá de ter uma atenção redobrada sobre ele.

XI’S PROVÁVEIS

CD Tondela: Pedro Trigueira, Bebeto, Yohan Tavares, Alves, Ferreira, Murillo, João Pedro, Grau, Olabe, Rafael Barbosa e Mário González

Treinador: Paco Ayestarán

«Se conseguirmos levar o jogo até ao fim já será bom. O FC Porto é uma equipa que no ataque é muito forte, viu-se contra o Chelsea que no primeiro tempo teve o controlo do jogo, quiçá recuou um pouco cinco minutos antes do intervalo e foi quando encaixou o golo, por um pequeno erro. Se chegarmos ao final do jogo com possibilidades já será bom para nós.”

FC Porto: Marchesín, Nanú, Pepe, Diogo Leite, Zaidu, Uribe, Sérgio Oliveira, Otávio, Luis Díaz, Marega e Taremi

Treinador: Sérgio Conceição

«Quero que os jogadores estejam no máximo. Estamos a meio de uma eliminatória dos quartos de final da Liga dos Campeões e agora vamos ter um jogo em Tondela, que é praticamente uma final para nós.”

PREVISÃO DE RESULTADO: CD TONDELA 0-1 FC PORTO