Liga dos Campeões, 1.ª mão dos 1/4 de final: quarta-feira, 20h00, 7 de abril de 2021
ANTEVISÃO: JOGA-SE O PASSAPORTE PARA AS MEIAS FINAIS EM SEVILHA, A CIDADE QUE ALUDE A BOAS MEMÓRIAS

O FC Porto defronta o Chelsea FC após três vitórias consecutivas no campeonato, sendo a última frente ao Santa Clara, por 2-1. Numa eliminatória jogada a duas mãos, o FC Porto tenciona repetir o jogo histórico que ditou a eliminação da Juventus FC, vitória esta que permitiu aos adeptos sonhar e acreditar que é possível ir ainda mais longe.

É MAIS UM JOGO NO SONHO AZUL E BRANCO NA LIGA DOS CAMPEÕES. SERÁ QUE O FC PORTO VAI ENTRAR COM O PÉ DIREITO NAS MEIAS-FINAIS? APOSTA JÁ NA BET.PT!

Do outro lado encontra-se um Chelsea FC que, até ao sábado passado, vinha de uma série de quinze jogos sem qualquer derrota, série esta que teve fim com o desaire do clube londrino, por 5-2, frente ao West Bromwich Albion FC. Neste momento, os Blues encontram-se em 5.º lugar do campeonato inglês, a vinte e três pontos do atual líder, Manchester City, adversário do FC Porto na fase de grupos da competição milionária.

Há uma grande expectativa para este duelo entre dois clubes que, atualmente, se encontram num ciclo similar – longe do título nacional, porém com uma vaga a discutir pelas meias-finais da maior competição de clubes do mundo. Salientar ainda que, as ausências por acumulação de amarelos, de Sérgio Oliveira e Taremi no lado do FC Porto, e, por lesão, de Kanté no lado do Chelsea FC, serão três sérios desfalques nas duas equipas, que dependem bastante destes jogadores.

Anúncio Publicitário

10 DADOS RÁPIDOS

  1. Nos últimos 5 jogos, o FC Porto conta com quatro vitórias e apenas uma derrota, por 3-2, no jogo histórico contra a Juventus FC.
  2. O FC Porto somou 4 vitórias, 1 empate e 1 derrota na fase de grupos, enquanto que o Chelsea somou 4 vitórias e 2 empates.
  3. O Chelsea FC soma 17 golos marcados e 6 sofridos, ao mesmo tempo que o FC Porto soma 14 golos marcados e 7 sofridos nesta edição da Liga dos Campeões.
  4. O árbitro deste jogo da 1.ª mão, Slavko Vincic, dirigiu a visita dos Dragões ao Mónaco (3-1 a favor do FC Porto) na fase de grupos da Liga dos Campeões em 2017/18, e o jogo contra o Bayer Leverkusen na Alemanha (2-1, derrota do FC Porto) a contar para os 16 avos de final da Liga Europa na época passada.
  5. Sérgio Oliveira e Mehdi Taremi, desfalques para a 1.ª mão da eliminatória por acumulação de amarelos, são atualmente os melhores marcadores da equipa em todas as competições: o primeiro, Sérgio Oliveira, conta com doze golos marcados e, o segundo, Taremi, com nove golos marcados.
  6. Caso vença o Chelsea FC, o FC Porto soma a sua 116.ª vitória na Liga dos Campeões.
  7. O jogador do Chelsea FC, Olivier Giroud, é o segundo jogador com mais golos nesta edição da Liga dos Campeões: 6 golos.
  8. Em 8 jogos realizados entre as duas equipas, o FC Porto venceu por duas vezes, enquanto que o Chelsea FC venceu por 5 vezes.
  9. O Chelsea FC, a par do Manchester City e do Bayern München, são as únicas equipas que ainda não somaram qualquer derrota nesta edição da Liga dos Campeões.
  10. As duas equipas defrontaram-se, pela última vez, na fase de grupos da Liga dos Campeões da época de 2015/2016, sendo que o Chelsea FC levou a melhor, ganhando por 2-0 em casa.                                              

JOGADORES A TER EM CONTA

Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

Matheus Uribe (FC Porto) – Entre Pepe, Corona e outros tantos, porquê a escolha em Matheus Uribe? Com a ausência de Sérgio Oliveira, o colombiano torna-se o principal líder no terreno central portista para este jogo com o Chelsea FC. O seu exímio sentido posicional aliado à sua agressividade com ou sem bola, podem ser essenciais no auxílio à defesa portista que irá ser bombardeada com constantes ataques interiores e ataques à profundidade, jogo característico do conjunto londrino. Uribe, o famoso “jogador raçudo” que joga simples e sem rodeios, pode ser o ponto de equilíbrio na transição ataque-defesa e o entrave contra as investidas do ataque rápido do Chelsea FC.

Timo Werner (Chelsea FC) – Muito se tem duvidado da “veia goleadora” e da capacidade de finalização do avançado alemão, contratado ao Leipzig no mercado de verão por cerca de 53 milhões de euros. Todavia, Timo Werner é um jogador perigosíssimo para a defesa portista: pode estar aquém da capacidade de finalização que outrora demonstrou, porém, a sua tremenda velocidade, e a capacidade que tem de explorar os espaços e a profundidade, podem ser fatores a ter em conta numa defesa com laterais muito ofensivos e pouco defensivos, e, também, com dois centrais pouco velozes, como é a defesa dos dragões: é um conjunto defensivo que favorece os atributos e qualidades do avançado alemão.

XI’S PROVÁVEIS

FC Porto: Marchesín, Manafá, Pepe, Mbemba, Zaidu, Marko Grujić, Matheus Uribe, Fábio Vieira, Otávio, Corona e Marega

Treinador: Sérgio Conceição

Acreditar faz parte desta casa. Quem não acreditar que é possível ganhar o próximo jogo, não pode vestir esta camisola”

Chelsea FC: Mendy, Reece James, Kurt Zouma, Thiago Silva, Azpilicueta, Marcos Alonso, Mateo Kovacic, Jorginho, Hakim Ziyech, Christian Pulisic e Timo Werner

Treinador: Thomas Tuchel

“Tenho a sensação de que podemos vencer o FC Porto, mas vai ser um jogo difícil. É um adversário experiente nesta competição, foi campeão por muitos anos em Portugal, e isso cria uma mentalidade. Mas somos fortes o suficiente e acreditamos que podemos passar esta eliminatória”.

PREVISÃO DE RESULTADO: FC Porto 1-1 Chelsea FC