Depois de Aboubakar se ter lesionado no início da época com gravidade, era prioritário para Sérgio Conceição arranjar outra alternativa para Marega e Soares, além de André Pereira e Adrián López. Eis que, esta semana, o FC Porto completou a transferência de Fernando Andrade.

O avançado brasileiro de 25 anos chegou à Invicta proveniente do Santa Clara e quem o conhece traça-lhe caraterísticas idênticas às de Marega. Os portistas desembolsaram um milhão e meio de euros para obter o passe do jogador até 2023, mas os insulares ainda ficaram com 25% do valor de uma futura venda do seu ex-capitão.

Começou no Brasil, passou pelo Japão, mas foi em Portugal que se afirmou. Entrou em solo lusitano pela mão do Oriental, na época 2015/2016, onde fez onze golos em 41 jogos. Seguiu-se o Penafiel em 2016/2017, onde o brasileiro apontou nove tentos em 42 partidas.

Por fim, o Santa Clara, onde ajudou os insulares a subir à primeira liga na temporada passada, com 15 golos em 42 jogos e já marcou ao Tondela, Chaves, Nacional e Boavista na presente época. Fernando vem com o rótulo de avançado rápido, possante, forte no duelo com os defesas e bom a nível técnico. Pode jogar pela ala ou como segundo avançado.

Fernando Andrade já pontuou quatro golos esta época pelo Santa Clara
Fonte: FC Porto

Esteve, no mesmo dia, no Dragão e na Luz, mas decidiu-se pelos atuais campeões nacionais, no que, segundo o próprio, em declarações à página oficial do clube, era um desejo já antigo: “Desde que cheguei a Portugal, disse a pessoas bem próximas que a minha vontade era jogar no FC Porto, isso há três anos e meio. Hoje estou a ter essa oportunidade e este é um sonho realizado para mim. Estou muito feliz. A partir do momento que dei a minha palavra ao presidente, não tive qualquer dúvida.”

Depois do maior salto da sua carreira, o novo camisola 37 dos “dragões” está pronto para “dar o litro” com a camisola azul e branca e tentar agarrar o lugar: “Esta é uma grande oportunidade, estou a encarar este desafio como o maior da minha vida e espero aproveitá-lo da melhor maneira. Vou fazer tudo para ser feliz aqui. Vou procurar o meu espaço e, quando tiver a oportunidade, vou procurar agarrá-la da melhor forma possível.”

Foto de Capa: FC Porto

artigo revisto por: Ana Ferreira

Comentários