O mercado de inverno terminou com alguma surpresa no FC Porto, com a aquisição de Loum para reforçar o meio-campo. O atleta, cedido pelo SC Braga ao Moreirense FC, foi uma das escolhas de Sérgio Conceição para ingressar a equipa. A lesão de Danilo pode ter sido um dos fatores mais determinantes para a escolha, mas as características do jogador falam por si…

Com apenas 22 anos, o senegalês estava a fazer uma época muito bem conseguida em Moreira de Cónegos, onde em 20 jogos disputados apontou três golos. Defensivamente transmite segurança e a atacar dá a tranquilidade que uma equipa precisa. Ainda assim, o momento alto do médio aconteceu precisamente diante do rival SL Benfica, ao apontar um dos três golos do Moreirense FC, que derrotaram a equipa da Luz.

O atleta esteve ao serviço do Moreirense FC na primeira metade da época
Fonte: Moreirense FC

Começou a jogar na rua de Datar, mas depressa chegou a Portugal, com um crescimento a olhos vistos que elevam as expetativas quanto ao jovem jogador. Estreou-se em Braga, mas apenas pela equipa B, no entanto realizou 68 jogos, com quatro golos apontados.

Numa altura em que o FC Porto está acusar alguma pressão da aproximação do rival encarnado, Loum é mais uma das opções de Sérgio Conceição para fazer face às adversidades e aos resultados menos conseguidos.

O próximo jogo dos Dragões é precisamente diante do Moreirense FC, uma partida que Loum poderá, efetivamente, jogar. Isto porque o clube originário do atleta é o Braga, Isto significa que o jogador não pode jogar apenas contra os bracarenses na 27ª jornada. No entanto este regulamento é apenas válido para os jogos do campeonato, o que significa que para a Taça de Portugal o jogador já pode ser opção.

Foto de Capa: FC Porto

Artigo revisto por: Jorge Neves

Comentários