cabeçalho fc porto

Mais um jogo, mais uma vitória. Já são três vitórias e um empate, fora, nos quatro jogos disputados na fase de grupos. Para além disso, há a possibilidade de terminar à frente do Chelsea, equipa apetrechada de qualidade individual até dizer chega.

Este FC Porto é um grande paradigma. No campeonato português mostra-se, por vezes, aflito para vencer uma partida. Mas na maior montra europeia as coisas são bem diferentes. Há algo de diferente. Será uma maior motivação num contexto de maior visibilidade? Será uma melhor preparação do jogo por parte de todo o conjunto? Ou será que os adversários correm mais riscos e não colocam autocarros à frente da baliza?

A voz da razão… Fonte: UEFA
A voz da razão…
Fonte: UEFA

Há uns tempos escrevi um artigo sobre a capacidade de Lopetegui nas competições a eliminar que contrastavam, até certo ponto, com os resultados em competições mais longas como é o caso da Primeira Liga. Pasme-se o leitor! Desde que o treinador espanhol assumiu o comando do FC Porto, os azuis-e-brancos somam apenas uma derrota! Derrota essa que foi consentida fora de casa ao Bayern Munique.

São 15 jogos, no total, 11 vitórias, 3 empates e apenas uma derrota! Mas melhor do que isso é a média de golos marcados, superior a dois golos por jogo. Para dizer a verdade, a última vez que o FC Porto ficou em branco nas provas milionárias remonta a 2013 quando os dragões eram comandados por Paulo Fonseca. Foi na última jornada da fase de grupos perante o Atlético de Madrid.

Seja Jackson, Oliver, Quaresma, Brahimi, Aboubakar, Tello, Lucho ou André André. Ou até mesmo Maicon, Marcano, Indi, Layún, Mangala, Alex Sandro, Danilo ou Otamendi! Tudo o que veste de azul-e-branco arrisca-se a marcar nas provas europeias e a manter esta fabulosa série que promete continuar por muito tempo. Aliás, o FC Porto é mesmo a equipa que marca há mais jogos consecutivos nas provas da UEFA. São 22 ao todo. Quem se aproxima? O colosso FC Barcelona com… 18.

Será que esta série vai parar em Stanford Bridge? Talvez sim, talvez não… A verdade é que há 5 jogos que o FC Porto marca dois ou mais golos fora de casa. Há razões para sonhar…

Uma alegria contagiante Fonte: UEFA
Uma alegria contagiante
Fonte: UEFA

Neste momento, torna-se complicado não assumir já a passagem aos oitavos de final. Temos a faca e o queijo na mão. E não há registo de uma equipa com 10 pontos à 4.ª jornada que não tenha conseguido o apuramento. Este FC Porto gosta de bater recordes mas… calma, vá! E a cereja no topo do bolo é que é possível passar a fase de grupos em primeiro lugar relegando o Chelsea de José Mourinho para segundo. É difícil mas não impossível. É uma soma de fatores que o FC Porto terá de saber aproveitar para si.

Mas atenção! O apuramento deverá ficar definido já na próxima jornada da fase de grupos. Portanto, nada de grandes riscos em Londres. Será bom se conseguirmos conquistar o primeiro lugar. Mas, antes de tudo, é necessário pensar que já passámos e que não nos devemos esquecer de outras competições. Depois de tanto tempo sem ver o FC Porto, esta foi a vitamina certa que me faz acreditar em mais uma vitória no próximo jogo.

Foto de Capa: UEFA

Comentários