logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

Mais FC Porto sem Óliver Torres?

fc porto cabeçalho

Redigir um texto no qual se questiona se uma equipa rende mais com ou sem a presença na mesma de um futebolista pelo qual foram pagos 20 milhões de euros é, desde logo, um mau sinal. Porém, a realidade atual do FC Porto é precisamente essa: após um longo período de não utilização, nos últimos dois jogos nos quais Óliver Torres esteve em campo durante um substancial período de tempo o FC Porto não foi além de dois empates (0-0) frente ao Sporting CP e ao Moreirense FC.

Desde lá, o pequeno mago espanhol não mais foi utilizado; resultado: os azuis e brancos cresceram francamente a nível exibicional e os resultados acompanharam esse mesmo crescimento. Este trata-se de um fenómeno estranho e de difícil análise. Por um lado, Óliver é o mais criativo de todos os centrocampistas do FC Porto e essa criatividade tem feito falta, em alguns momentos, para desbloquear organizações defensivas mais “fechadas”; por outro lado, sem Óliver na equipa tem ganho preponderância um super-Sérgio Oliveira que, não sendo tão criativo quanto o espanhol, é igualmente competente na tomada de decisão e traz à equipa um maior equilíbrio pela sua agressividade na transição defensiva.

A questão que se coloca é: como solucionar este dilema? Sérgio Conceição não tem sido muito competente na gestão de Óliver Torres. O espanhol ora faz partes das escolhas para o onze inicial, ora não é utilizado, o que em nada abona a favor da sua motivação. Óliver é um génio, tecnicamente o melhor médio da Liga Portuguesa, mas não consegue impor-se por razões que apenas o treinador poderá (e deverá) explicar. Nos dois últimos jogos, frente a SC Braga e Sporting CP, o FC Porto jogou bem e venceu (sem Óliver), mas estes tratam-se de opositores que não limitam o seu jogo ao momento defensivo. É nesses contextos, nos quais a criatividade escasseia (estando centrada, quase exclusivamente, em Brahimi), que o espanhol pode ser mais importante no jogar dos dragões, ajudando a encontrar espaços onde, aparentemente, estes não existem.

Óliver Torres não tem conseguido cumprir com as expetativas colocadas sobre si Fonte: Facebook de Óliver Torres
Óliver Torres não tem conseguido cumprir com as expetativas colocadas sobre si
Fonte: Facebook de Óliver Torres

No momento em que a âncora defensiva do FC Porto, Danilo, se encontra ausente da equipa são necessárias soluções de equilíbrio para o meio-campo dos azuis e brancos. Nesse contexto, Óliver Torres poderá passar por um novo período de “apagão”. Contudo, este jamais deverá ser esquecido porque: 1) tem talento para dar e vender; e 2) constitui um avultado investimento do clube do qual se espera que, no futuro, venha a haver retorno. Tem a palavra Sérgio Conceição…

Foto de Capa: Facebook de Óliver Torres

Apaixonado por futebol desde a segunda infância, Francisco Sampaio tem no FC Porto, desde esse período, o seu clube do coração. Apesar de, durante os 90 minutos, torcer fervorosamente pelo seu clube, procura manter algum distanciamento na apreciação ao seu desempenho. Autodidata em matérias futebolísticas, tem vindo recentemente a desenvolver um interesse particular pela análise tática do jogo. Na idade adulta descobriu a sua segunda paixão, o ténis, modalidade que pratica de forma amadora desde 2014.                                                                                                                                                 O Francisco escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

Apaixonado por futebol desde a segunda infância, Francisco Sampaio tem no FC Porto, desde esse período, o seu clube do coração. Apesar de, durante os 90 minutos, torcer fervorosamente pelo seu clube, procura manter algum distanciamento na apreciação ao seu desempenho. Autodidata em matérias futebolísticas, tem vindo recentemente a desenvolver um interesse particular pela análise tática do jogo. Na idade adulta descobriu a sua segunda paixão, o ténis, modalidade que pratica de forma amadora desde 2014.                                                                                                                                                 O Francisco escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA