O FC Porto é notável no que toca a descobrir jogadores e transformá-los em autênticas pérolas que rendem bastantes milhões à casa. Éder Militão será, com toda a certeza, um caso de sucesso. Chegou aos azuis e brancos vindo do São Paulo FC do Brasil por apenas quatro milhões de euros e quando a equipa da cidade Invicta sofria de uma “crise” de centrais (Mbemba estava lesionado, Diogo Leite mostrava ser um pouco verde e Chidozie não rendia), Militão revelou ser um “Chefão” no centro da defesa.

Apesar da sua tenra idade, o central da canarinha já está a chamar as atenções dos tubarões da Europa. Sendo que é apenas um recém-chegado à seleção brasileira, Militão tem ganho cotação muito por causa das suas exibições sólidas na defesa. Segundo a imprensa, o FC Barcelona já esteve a observá-lo no jogo frente ao Schalke 04 a contar para a Liga dos Campeões. Mas a lista não se fica por aqui… Liverpool FC, Everton FC e o Real Madrid FC também constam na lista que a imprensa revelou.

Contudo, uma das suas maiores mais-valias é a polivalência de posições. Já jogou (e ainda joga) a defesa central, a lateral direito e a médio-defensivo. No Brasil, demonstrou sempre qualidade e fácil adaptação sempre que era necessário cobrir a ausência de alguém ou até mesmo quando rendia mais a lateral direito, posição em que jogava no São Paulo. O próprio Felipe afirmou que Militão conseguiu aprender tudo muito rápido e adaptar-se facilmente ao futebol europeu, um processo que para os brasileiros é, normalmente, difícil.

A dupla de centrais portista já foi convocada para a seleção canarinha
Fonte: FC Porto

As suas exibições na Liga NOS no mês de setembro fizeram com que a Liga lhe atribuísse o prémio de melhor defesa do mês. Já na Liga dos Campeões, Militão ficou mal visto ao errar um passe que deu o golo ao Lokomotiv de Moscovo. No entanto, é com os erros que se aprende, e Militão tem aprendido de jogo para jogo e errado pouco, daí a poder ser considerado um “fora de série”.

Anúncio Publicitário

A menos que sofra algum azar durante esta época, Militão tem tudo para se tornar num dos melhores jogadores da temporada 2018/2019 com apenas duas décadas de vida. Promete ser um elemento que dará muitas alegrias e muito dinheiro aos cofres do FC Porto.

Foto de Capa: FC Porto

artigo revisto por: Ana Ferreira