logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

Rubén Semedo: boa aposta ou tiro no escuro? | FC Porto

O FC Porto precisa urgentemente de reforços para o eixo central da defesa, não sendo surpreendente a ligação com Rúben Semedo. É extremamente necessário atacar o defeso de inverno com uma contratação que garanta qualidade e disponibilidade para entrar em campo e assumir a posição.

Afinal, Pepe tem 38 anos, Mbemba está de saída e uns furos abaixo do que demonstrou na época passada, Marcano está num momento de carreiro onde é muto débil fisicamente e Fábio Cardoso é um jogador de rotação.

Bakayoko Mbemba Rúben Semedo FC Porto
Fonte: Diogo Cardoso / Bola na Rede

A contratação que parece estar a ser cogitada pelos lados do Estádio do Dragão é a de Rúben Semedo.

Aos 27 anos a carreira do português tem visto altos e baixos, sendo que os tais “baixos” são de comportamentos além futebol que acabam por destabilizar o seu desempenho em campo, algo que, para Sérgio Conceição, não parece ser problema, afinal, o treinador parece manter na “linha” todos os pupilos do plantel com a sua liderança intensa e carismática.

Este casamento pode ser perfeito, o FC Porto desespera por um central com as qualidades de Semedo, forte no jogo a aéreo e imperativo no confronto com os adversários.

Sim, o central focado e em forma é um dos defesas centrais mais competentes em Portugal, podendo, também, relançar a sua carreira na seleção, já que também necessita de outras opções para a posição.

Apesar das dúvidas sobre o estado físico do jogador, parece não ser necessário muito tempo para o jogador se adaptar ao clube e ao ritmo que o treinador gosta de impor nos encontros.

Um possível regresso a Portugal para Rúben Semedo?

A ser contratado, o jogador precisa de uma vacina de foco, motivação e disciplina. Esta é, de facto, a última oportunidade que terá na carreira para mostrar que pode ser uma mais-valia para algum plantel com intenções de ser campeão em todas as competições que entra.

Se esta experiência, a concretizar-se, correr mal, nenhum clube de primeira linha volta a dar-lhe uma oportunidade.

Para isto acontecer, é necessário negociar com o Olympiacos FC que detém o passe do jogador e não parece estar disposto a entrar em saldos para vender o jogador que, atualmente, está avaliado em cerca de cinco milhões de euros, uma quantia avultada para um jogador sem jogar desde agosto do ano corrente.

Os riscos são grandes nesta contratação. Por um lado, o FC Porto pode ter uma solução para os problemas defensivos que têm sido muitos, a qualidade defensiva dos dragões tem vindo a descer de forma preocupante.

Mas por outro lado, pode ser um jogador que não renda desportivamente e, ainda, pode trazer uma imagem negativa para o plantel e para o clube.

O Ricardo Rafael é um jovem estudante de ciências da comunicação e adepto do FC Porto. Olha para o futebol sempre com ar crítico e procura ver o melhor do desporto.

O Ricardo Rafael é um jovem estudante de ciências da comunicação e adepto do FC Porto. Olha para o futebol sempre com ar crítico e procura ver o melhor do desporto.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA