cabeçalho fc porto

Osvaldo foi confirmado esta semana como reforço do FC Porto. O substituto direto de Jackson Martínez não passa por Aboubakar, nem tão pouco por Kléber, como havia sugerido no início do período de transferências. O brasileiro já foi, inclusive, transferido para a China. Agora, fica a certeza de que as despesas goleadoras dos azuis brancos vão ficar maioritariamente entregues ao irreverente italo-argentino.

O passado de Pablo Osvaldo é sobejamente conhecido. Ao longo de uma carreira iniciada no Huracán, da Argentina, o ponta-de-lança representou onze clubes. Foram raros os casos em que não surgiram problemas: o último dos quais, no Boca Juniors, chamando “burro” a um adversário e atirando-lhe relva à cara.

No entanto, Osvaldo é garantia de qualidade. Antes do regresso ao país das pampas, cumpriu meia época de empréstimo no Inter, onde não raras vezes foi titular, criando empatia com a massa adepta nerazzurri. A etapa mais feliz da sua carreira foi mesmo em Itália, quando representou a AS Roma. Na capital, alcançou um registo de 28 golos em 57 partidas; uma marca interessante, se tivermos em conta que disputou a frente de ataque com o eterno Totti, Borriello e Borini, a título de exemplo.

Agora, falta saber qual será a face de Osvaldo que prevalecerá na Invicta. Imaginemos que cada um dos dois primeiros nomes do avançado corresponde a um alter-ego: Pablo para o rebelde e provocador com sangue alviceleste e Daniel (ou, abreviado Dani) para o jogador de classe que Osvaldo, efetivamente, é.

Anúncio Publicitário

A chave, e também um desafio para Julen Lopetegui, é encontrar um equilíbrio entre as duas facetas. Admito que, aos 29 anos, a contratação do internacional italiano me agradou: boa oportunidade de negócio, e a certeza de maturidade desportiva. Isso sim, era algo necessário para suprir a saída de Jackson – a necessidade de ganhar é urgente, e só com golos isso pode acontecer. Em suma, julgo que o mais acertado será dar o benefício da dúvida ao atleta. O nome da camisola será “Dani Osvaldo”, que terá estampado por baixo o número 10. Pode ser um bom prenúncio.

Foto de capa: Página do Facebook do FC Porto