futebol nacional cabeçalho

Se o leitor olhar para o lado direito do site vê que quem está nos dois últimos lugares, ou seja, em posição de descida, são Arouca e Gil Vicente (17.º e 18.º). E se eu lhe disser que segundo os regulamentos da Liga quem desce são Penafiel e Académica, 15.º e 16.º, respectivamente?

Sim, como se pode ver na página 51 do regulamento disponível no site da Liga, o primeiro da lista de regulamentos da Liga, o número 2 do artigo 96.º, referente a “Subidas e Descidas”, tem disposto o seguinte: “Descem à II Liga na época desportiva seguinte os clubes classificados em 15.º e 16.º lugares da tabela classificativa da I Liga”.

Anúncio Publicitário
 Print screen do Regulamento no dia 16 de Dezembro de 2014
Print screen do Regulamento no dia 16 de Dezembro de 2014

Encontrando-se a temporada quase a meio, como se resolve um erro tão grave como este? É que se é verdade que não se devem mudar os regulamentos a meio de uma prova, não é menos verdade que este regulamento vai contra a lógica desportiva das competições por jornadas. Mas esta não é a única questão que tem de ser colocada. Como é possível que ninguém na Liga tenha reparado neste erro de regulamentação? Fica no ar a ideia de que o regulamento foi apenas copiado do da temporada passada, ignorando o acréscimo de duas equipas (que está paradoxalmente registado no regulamento).

Este é apenas mais um erro grave que demonstra o total desnorte que se tem vivido na Liga, agora presidida por Luís Duque, mas que na altura do lançamento do regulamento ainda tinha como presidente Mário Figueiredo. Se na Liga ninguém reparou no erro, será que aconteceu o mesmo com os clubes? Ou estes, já salvaguardando possíveis insucessos desportivos, preferiram guardar este trunfo na manga para apresentar a quem de direito no final da época?

A verdade é que as subidas e descidas pela secretaria são algo comum na história recente dos campeonatos profissionais portugueses e, graças a este lapso, pode estar a caminho mais um “verão quente”. Apresentar em tribunal um regulamento de uma competição que dará razão aos 17.º e 18.º classificados garantirá muitos problemas à organização e obrigará 15.º e 16.º classificados a descer por ser isso que está no regulamento – um atentado à verdade desportiva.

Como se resolve um problema destes? Teremos um campeonato com 20 equipas – as 18 deste ano mais as 2 que conquistarem a subida na II Liga – em 2015/16, para compensar este erro? São muitas as perguntas que ficam no ar. Como serão respondidas? Com sorte, muito brevemente saberemos.

Este artigo foi escrito apenas com os dados disponíveis no site da Liga (LPFP). Tentei contactar a Liga, mas não obtive resposta. É importante referir que não existe nenhuma correção ao regulamento no site do organismo até à presente data. Convém ainda destacar que não foi possível ter nenhuma versão em papel do documento, apenas a versão online disponível neste texto.

Foto de capa: Página da FPF