Anterior1 de 4Próximo

Poucos imaginavam que a questão da subida de divisão ficava resolvido já neste fim de semana. A verdade é que a derrota da Académica, até então com os mesmos pontos do Santa Clara, permitiu a que se pudesse fazer festa já hoje nos Açores. E fez-se. O Santa Clara está de volta à Primeira Liga Portuguesa!

O Estádio de São Miguel engalanou-se para um momento histórico na vida do clube. Cerca de dez mil pessoas presentes no Estádio, num autêntico mar vermelho e a equipa correspondeu a esse apoio. Logo nos primeiros minutos o Santa Clara até podia se colocar em vantagem com Marcelo a desviar de cabeça para a baliza adversária em posição de fora de jogo.  Apesar disso, o Santa Clara não desistiu e foi atrás do golo que surgiria com Thiago Santana. De cabeça, o avançado conclui uma boa jogada da equipa micaelense levando o Estádio ao rubro.

O Real SC pouco fazia. A equipa ia conseguindo contrariar e enervar o adversário mas em termos ofensivos, à exceção de algumas jogadas individuais de Vinicius, pouco se viu. O resultado manteve-se até ao intervalo com o Santa Clara a sair com a vantagem.

A equipa insular garantiu o segundo lugar
Fonte: CD Santa Clara

A segunda parte começou da melhor maneira para a equipa açoriana. Belíssima jogada de Thiago Santana que cruza milimetricamente para Fernando Andrade que atirou a contar. A partir daí o Real não mais apareceu no jogo. A equipa visitante sabia que havia pouco a fazer com uma desvantagem de dois golos. O Santa Clara não tirou o pé do acelerador e dessa vez com Thiago Santana chegou ao terceiro golo na partida, golo que sentenciou a partida e que permitiu aos 10mil presentes na bancada poderem respirar de alívio.

A partir do terceiro pouco mais há a dizer do jogo. Viveram-se períodos de emoções fortes, com choros, alegrias e muita emoção. O Santa Clara acompanha assim o CD Nacional na subida à Primeira Liga, culminando assim uma temporada de nível elevado da turma de Carlos Pinto.

 11 inicial:

CD Santa Clara:

Marco Pereira, Marcelo Oliveira , Accioly (SC), Diogo Santos, Osama Rashid (sub), Pacheco (C ), Pineda (sub), Thiago Santana (SUB), João Reis, Vitor Alves, Fernando, Batatinha (sub), Minhoca (sub), R. Saldanha (Sub)

Real SC:

Tom, Thiago Morgado, Kikas (SUB), Diogo Coelho, Paulinho (SC), Cazonatti, P. Monteiro (C ) , Eduardo, T. Cele (subs), Vinicius, J.Nem (SUB)

Anterior1 de 4Próximo

Comentários