O ano é importante e tudo o que o Sporting CP não precisa – neste momento – é ter jogadores fatigados dos jogos da seleção para alcançar o tão desejado título.

O objetivo principal do Sporting CP é claro: conseguir ganhar o campeonato 2020/2021, título que lhe foge há 19 épocas.

Estando a dez jornadas do fim (30 pontos em disputa), os leões partem para esta reta final de campeonato com mais dez pontos sobre o segundo classificado, FC Porto.

Para descansar, aliviar o stress e a pressão, o clube verde e branco beneficiou de uma paragem para jogos de seleções. Será mesmo? Não.

Anúncio Publicitário

Conforme foi noticiado aqui pelo meu colega Jorge Faria de Sousa “o Sporting Clube de Portugal é o clube com mais jogadores na Seleção A” Para além dos nacionais João Palhinha, Luís Neto e Nuno Mendes, também Pedro Porro, Gonzalo Plata, Feddal e Coates foram convocados pelas suas seleções.

A estes jogadores, juntam-se ainda Luís Maximiano, Pedro Gonçalves, Tiago Tomás e Daniel Bragança, que estão na seleção sub-21.

Zouhair Feddal foi um dos muitos jogadores leoninos a ser convocado para a respetiva Seleção
Fonte: Bola na Rede

No entanto, seja pela valorização dos jogadores, seja pela valorização do clube, não deixa de ser assinalável que a brilhante época que o clube de Alvalade está a fazer tenha promovido tantos jogadores. Entre eles, três estreias em absoluto. Por Portugal, Nuno Mendes e João Palhinha e, por Espanha, Pedro Porro.

Boas notícias para Rúben Amorim, é que, aparentemente, nenhum dos jogadores das seleções “A” apresentou alguma lesão. Contudo, falta ainda um jogo. O de hoje, frente à Suíça, pela seleção Sub-21. Será que o Sporting CP vai continuar a ver a sua “estrelinha” brilhar e ver os seus jogadores estarem em bom plano ao serviço da seleção, sem ficarem lesionados ou extremamente fatigados?

Os leões vão ter um jogo complicado, já no próximo dia cinco de Abril, às 21h00, em Moreira de Cónegos, diante do Moreirense FC.