O mercado em Portugal já mexe, e tem sido escrito na imprensa nacional que Bas Dost pode estar de saída e que Slimani é uma das opções para se juntar ao plantel leonino. Os dois últimos grandes artilheiros do Sporting CP poderão ou não se encontrar em Alvalade. Contudo, há sempre quem os compare segundo as suas performances em campo. Deste modo, vou procurar clarificar um pouco aquilo que é a minha opinião sobre estes dois goleadores.

Como os mais antigos devem ser respeitados, começo por escrever sobre as capacidades de Islam Slimani. O argelino é um avançado robusto fisicamente, que é forte nos duelos físicos. Não sendo um driblador, até porque as suas qualidades técnicas não abundam, é contudo capaz de correr com bola. Basta relembrar um dos seus golos frente ao Schalke, em Alvalade. Para além disso, oferece uma agressividade notável na reação à perda da bola ou na primeira fase de pressão, colocando uma intensidade em cada jogo que empurra obrigatoriamente a sua equipa para a frente.

Por último, o seu jogo aéreo. Slimani é exímio de cabeça. Foram vários os golos que apontou de leão ao peito fruto de cabeceamentos como resposta aos cruzamentos que lhe eram lançados.

Slimani deixou uma grande marca em Alvalade
Fonte: Sporting CP

Olhando agora para Bas Dost, considero que é mais um jogador de área. Não se pode pedir que jogue longe da baliza, pois é perto dela que se sente confortável. Oferece qualidade no jogo a um ou dois toques, e é muito frio na finalização. Raramente falha um golo isolado, e também tem a capacidade de assistir os colegas. Não é um ponta de lança de grandes movimentações, precisa que a equipa jogue para que ele apenas finalize. É o chamado finalizador nato.

A questão que se coloca é: se me pedissem para escolher, qual seria a minha decisão? Eu aprecio mais as qualidades de Slimani. Penso que é mais completo do que Bas Dost. Apesar de não ser tão bom tecnicamente, consegue proporcionar jogadas de contra-ataque, coisa que Bas Dost não procura porque é lento e raramente dá mais do que dois toques consecutivos na bola. Para além disso, Slimani é mais mexido na área, procura ocupar os sítios onde a bola vai cair, enquanto que o internacional holandês espera que a bola lhe caia na cabeça.

Concluindo, o meu veredicto final cai para Islam Slimani. Isto não quer dizer que Bas Dost seja mau jogador, até porque os seus números demonstram bem as suas capacidades. Simplesmente no meu modo de ver o jogo, penso que o argelino oferece mais coisas que o holandês não oferece. Ainda assim, são dois excelentes avançados, e o Sporting CP ficará com certeza bem servido com qualquer um.

 

Foto de Capa: Carlos Silva/Bola na Rede

artigo revisto por: Ana Ferreira

 

Comentários

Artigo anteriorÀ procura do ouro da América do Sul
Próximo artigoO protagonista que o é sem o ser
Estuda História mas sempre teve gosto pela escrita, e quando se fala de Sporting, junta o útil ao agradável. Ambiciona ser treinador, mas a vida de estudante ainda não permitiu essa experiência. Sempre que pode assiste a futebol, mas se há jogos que não falha são do Sporting. Não mistura o amor clubístico com a racionalidade, e também coloca o dedo na ferida se necessário.                                                                                                                                                 O Bernardo escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.