sporting cabeçalho generíco

Sempre fui do Sporting. Porquê? Porque o Sporting sempre foi mais que futebol.

Ser do Sporting é ser fanático do desporto, ser louco por qualquer coisa que meta competição… e nisso, em Portugal, não há rival! O Futsal, o Hóquei, o Rugby, o Atletismo, o Andebol,  o Basquetebol, o Ténis de Mesa, a Ginástica, a Natação, as inúmeras modalidades de combate, o Bilhar, o Corfebol, o Futebol de Praia, o Golfe, a Patinagem, a Pesca Desportiva, o Pólo Aquático, as inúmeras modalidades de Tiro, o Triatlo, o Xadrez… e tantas, tantas outras.

São as vitórias no patamar nacional e também no internacional:

– Clube português com mais medalhas olímpicas – 9 medalhas: 3 de ouro, 5 de prata e 1 de bronze

– Clube português com mais participações olímpicas – 24 presenças em 28 possíveis (desde que existe Comité Olímpico Português)

– 1º Atleta nacional a participar nos Jogos Olímpicos – António Stromp na prova dos 100 metros (Estocolmo, 1912)

– 1º Atleta nacional a ganhar a Medalha de Ouro (e a ouvir o Hino Nacional) – Carlos Lopes na prova da Maratona (Los Angeles, 1984)

– 2º Clube europeu com mais atletas olímpicos (110 atletas), somente ultrapassado pelo FC Barcelona

– Recorde olímpico da Maratona Carlos Lopes com a marca de 2.09.21 (Los Angeles, 1984)

E no último fim-de-semana, o Sporting voltou que é possível rivalizar com qualquer clube mundial e a “mística” está de volta.

Os jogadores do Sporting comemoram mais um golo frente ao todo poderoso Barcelona. Fonte: Sporting Clube de Portugal
Os jogadores do Sporting comemoram mais um golo frente ao todo poderoso Barcelona.
Fonte: Sporting Clube de Portugal

A vitória do Hóquei em Patins sobre o todo poderoso Barcelona, mostrou a raça e o querer que caracterizam aquilo que todos os Sportinguistas acham que o Sporting é e se concretizem as palavras de José Alvalade : “Queremos que o Sporting seja um grande Clube, tão grande como os maiores da Europa”

Diante do bicampeão europeu e espanhol em título, o Sporting conseguiu uma estrondosa vitória no Livramento, por 2-0, na primeira mão da Taça Continental. Está consumado o casamento entre as exibições das equipas do Sporting Clube de Portugal (o crer e o querer vencer) e a torcida verde-e-branca! Venham de lá todos os títulos que o Sporting luta e merece pelo seu “Esforço, Dedicação e Devoção”… no final virá a “Glória”!

Fonte da foto de capa: corredoresanonimos.pt

Comentários