sporting cp cabeçalho 1

Há muitos anos que a Academia de Alcochete é reconhecida com uma das melhores escolas de formação de extremos, até pelo facto de alguns deles ainda estarem a jogar ao mais alto nível. Dali sairam Futre, Figo, Simão, Quaresma, Nani, Cristiano Ronaldo, etc. (alguns deles não saíram de Alcochete, mas as bases foram as mesmas)…

Há alguns anos atrás começaram também a sair daquela fábrica de talentos alguns dos melhores médios que temos no futebol português, dos quais alguns serão menos consensuais entre os sportinguistas (como também acontece nos nomes que refiro no parágrafo anterior) mas cujo talento e mérito não lhes pode ser retirado. Nomes como Moutinho, Adrien, William ou João Mário são nomes já firmados e reconhecidos. Estarei ainda a esquecer-me de outros nomes, mas tenho a certeza de que me ajudarão a aumentar esta lista já por si cheia de talento.

Destes dois sectores acima referidos estão agora também a despontar grandes talentos, a que poderemos estar também, daqui a uns anos, reconhecer o mérito, como aos que estamos hoje aqui a elogiar.

Havia no entanto um sector que, por ser um dos mais específicos em termos de treino e menos valorizado, era também o que enfrentava mais dificuldades em encontrar jogadores de qualidade. Desde Vítor Damas que o Sporting não tinha na sua baliza uma referência do clube e do país nesse sector.

Anúncio Publicitário

Temos agora um dos melhores guarda-redes da Europa e do mundo a defender a nossa baliza, e também muito por culpa da teimosia de um treinador agora ostracizado. Sim, Paulo Bento foi um dos principais culpados por termos hoje Rui Patrício como uma referência das balizas.

Por vezes não é necessário ter só talento. É preciso também ter a sorte de alguém apostar em nós, e depois aproveitarmos isso com muito trabalho e resiliência.

Rui Patrício teve tudo isso, e pelo seu amor ao Sporting, pelo seu profissionalismo, pela sua humildade, e porque não se deixou vencer pelas muitas críticas que recebeu (e ainda hoje recebe), é hoje uma das referências do plantel do Sporting e da selecção Nacional.

Este será, sem dúvida, o eterno guardião da outra baliza de Alvalade ainda por baptizar.

Beto está de regresso Fonte: Sporting CP
Beto está de regresso
Fonte: Sporting CP

Mas, por falar em sorte e trabalho, chegou agora ao nosso clube alguém que precisou de encontrar noutras paragens quem acreditasse no seu valor. Não estou a criticar quem o deixou sair, até porque nenhum clube consegue formar dois grandes guarda-redes mantendo-os nos seus quadros, uma vez que é uma posição de um só homem.

Beto saiu do Sporting sem nunca deixar de ser sportinguista. Procurou a sorte onde lhe deram a oportunidade de crescer, onde conseguiu ganhar títulos e experiência, onde tinha espaço para isso.  É agora um homem feito, com ainda maior certeza do seu amor ao clube que o ajudou a dar os primeiros passos na sua tão recheada carreira. Ele chegou, e fez questão de relembrar os valores que regem o nosso clube e o regem a ele. Esforço, devoção, dedicação e glória.

Podemos hoje dizer que Alcochete e Alvalade têm dois dos melhores guarda-redes portugueses. E dois dos melhores a jogar em Portugal (não digo que são os melhores para não me chamarem faccioso).

Quanto ao facto de Patrício poder sair, acredito que Beto será um excelente substituto tanto em termos de qualidade como em termos de representação de sportinguismo.

Acredito que Patrício será dos que menos pressão farão para sair do clube (como muitos jornais apregoam), e, a sair, fará questão de que seja um negócio vantajoso para o seu clube do coração. Mas temos também de lhe dar a possibilidade de querer mostrar o seu real valor em clubes com outros enquadramentos.

Os sportinguistas terão de valorizar a qualidade que emprestou ao seu Sporting, reconhecendo-o sempre como um de nós, ande ele por onde andar.

Saia ou fique, Patrício será um de nós, e teremos também um excelente substituto. Para o futuro do sector não podemos esquecer o míudo que esteve no europeu Sub-19 e que amealhou boas críticas.

Mas por mim Patrício ficaria até que aquelas mãos lhe doessem…

A galáxia de Alcochete está bem servida de guardiões.

 

Foto de Capa: Sporting CP