Anterior1 de 3Próximo

Depois de SL Benfica e FC Porto entrarem em campo na Primeira Liga, foi a vez do Sporting CP se estrear na 85ª edição do Campeonato. O primeiro adversário foi o Moreirense FC, numa partida realizada no Estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas, em Moreira de Cónegos.

No início de mais uma temporada, ambas as equipas entraram em campo com o objetivo de realizar uma época tranquila, principalmente do lado dos leões, que procuram ultrapassar a fase atribulada dos últimos meses.

No primeiro teste para ambas as equipas, a formação da casa apresentou cinco reforços no onze inicial, enquanto José Peseiro chamou Petrovic e Salin, que substituiu o lesionado Viviano.

A primeira parte abriu com o golo da equipa da casa, ao minuto 6. Na primeira oportunidade do Moreirense FC, João Aurélio cruzou na direita para Heriberto Tavares, que não teve dificuldades em bater Salin.

Anúncio Publicitário

A vantagem do conjunto de Ivo Vieira fez com que os leões fossem à procura do empate. O tento e alguns protestos com o árbitro causaram dificuldades ao Sporting CP, que conseguiu igualar o resultado passados 10 minutos. Ristovski trabalhou na direita e assistiu para Bruno Fernandes que, com toda a passividade, rematou cruzado para o fundo das redes de Jhonatan.

O empate devolveu alegria aos sportinguistas, que causaram mais três oportunidades de perigo, com um livre à figura de Bruno Fernandes (18’) e dois cabeceamentos de Bas Dost (24’ e 36’). A formação da casa respondeu com um cruzamento direcionado de João Aurélio (25’), defendido por Salin.

Após os golos e lances de parte a parte, o rumo da partida serenou, com as equipas a manterem o objetivo de desfazer o resultado.

Ainda na primeira parte, destaque para os seis cartões amarelos mostrados por Tiago Martins, como ponto mais negativo dos primeiros 45 minutos.

A segunda parte retomou com o Moreirense FC a criar mais oportunidades, mas nenhuma sem sucesso. Ao minuto 50, Bruno Fernandes fica na cara de Jhonatan, mas não consegue bater o guardião numa jogada individual.

O Moreirense FC respondeu com um cruzamento traiçoeiro de Heriberto (67’) e um tiro de Bilel (68’), para defesa apertada de Salin.

Bas Dost mostrou alta eficácia, com dois golos importantes
Fonte: Sporting CP

Quando o resultado dava a entender um empate, Heriberto Tavares cometeu falta sobre o recém-entrado Jovane Cabral. O árbitro não hesitou em marcar penalti. Na conversão, Bas Dost foi decisivo e fixou o resultado em 1-2.

Até ao fim, o Sporting CP lutou para manter o resultado favorável e conseguiu, inclusive, aumentar a vantagem, de novo por Bas Dost, com um toque de classe perante Jhonatan, que sentenciou o resultado final em 1-3.

Vitória justa, mas sofrida do Sporting CP. Apesar da derrota, o conjunto de Ivo Vieira não ficou mal na fotografia e impressionou, sobretudo, com uma boa exibição, perante a superioridade evidente dos leões, que entram a vencer na temporada 2018/2019.

Onzes Iniciais

Moreirense FC: Jhonatan; João Aurélio, Iago Santos, Aberhoun e Rúben Lima; Loum (Alan Schons 75’), Pedro Nuno (Nenê 80’), Ângelo Neto (Arsénio 80’) e Chiquinho; Heriberto Tavares e Bilel Aouacheria

Sporting CP: Salin; Ristovski, Coates, Mathieu e Jefferson; Petrovic, Battaglia, Bruno Fernandes, Acuña (Jovane Cabral 69’) e Nani (Raphinha 70’); Bas Dost

Foto de Capa: Sporting CP

Anterior1 de 3Próximo

Comentários