Carlos Mané é um dos regressos ao Sporting na presente temporada 2018/19. O jovem formado na Academia de Alcochete regressou aos relvados com a listada verde e branca, após 15 meses afastado por lesão.

O extremo leonino alinhou os primeiros minutos, na vitória frente ao Marítimo por 2-0, tendo entrado já no final da partida. Na passada quinta-feira, Carlos Mané estreou-se a titular no onze do Sporting, numa difícil vitória frente ao Worskla Poltava, a contar para a segunda jornada do grupo E da Liga Europa. Um regresso muito saudado pelos sportinguistas!

O jovem leão tinha estado ao serviço dos alemães do VFB Estugarda, onde na temporada de 2016/17 disputou 20 jogos e marcou seis golos. Mané viveu um verdadeiro calvário de lesões, que obrigaram a uma longa paragem, primeiro no joelho direito e depois na coxa direita. O regresso do extremo leonino regista-se cerca de 15 meses depois, tendo jogado a última partida em abril de 2017, com a camisola do Estugarda diante do Dynamo Dresden.

Carlos Mané enfrentou uma larga paragem
Fonte: Sporting CP

Carlos Mané será assim mais uma opção para as faixas do Sporting. Um extremo que tem na velocidade uma das suas principais armas, tecnicamente forte no um contra um com os defesas adversários, qualidade no último passe e nos cruzamentos, e além disso com forte sentido de baliza, com os seus movimentos das faixas para a zona central do terreno.

O extremo português chegou ao Sporting, para representar as camadas jovens, na temporada de 2001/2002. Carlos Mané já realizou na equipa principal do Sporting 89 jogos e marcou 14 golos, sendo que venceu uma Taça de Portugal, uma Supertaça e sagrou-se campeão nacional de juniores.

Anúncio Publicitário

Assim, que Carlos Mané, após ter dobrado o cabo das tormentas, tenha um futuro risonho com a listada verde e branca. O extremo formado no Sporting é mais uma opção no plantel leonino, que poderá contribuir com golos, assistências, boas exibições, sendo mais um para ajudar a equipa a atingir a glória das vitórias e dos títulos.

Foto de Capa: Sporting CP

artigo revisto por: Ana Ferreira