olheiro bnr

Pedro Empis é um jovem jogador do Sporting Clube de Portugal, vindo dos quadros de formação do Estoril Praia com treze anos. É defesa e joga atualmente na equipa B do clube. Até aqui tudo normal. No entanto, vou referir alguns detalhes do jogador: Empis tem 19 anos, ou seja, é júnior. No entanto, pela equipa sub-19 dos leões fez, esta época, três jogos… para a UEFA Youth League. Os restantes 14 foram jogados no Campeonato Ledman Pro em que, salvo três exceções, foi utilizado nos noventa minutos de jogo; o mesmo se passou na competição europeia, da qual os jovens leoninos também foram precocemente eliminados.

Empis, que faz a lateral esquerda da equipa leonina, é um jogador rápido, qualidade necessária para a posição em que joga, mas que tem um nível técnico muito acima da média, conseguindo sair a jogar com a bola controlada e assim construir várias oportunidades de ataque, tanto através de fintas como também de cruzamentos fortes para os seus colegas finalizarem. Quanto aos momentos defensivos, é um jogador com raça, que não tem medo de atacar a bola pelo chão, dando sempre bastante segurança no primeiro terço do campo, conseguindo reaver novamente a posse de bola sem fazer falta. Prova disso é o único cartão amarelo que viu na época, no jogo frente ao Futebol Clube do Porto B. O facto de não ser um jogador propriamente alto- tem 1,72m – resulta num ponto de gravidade mais baixo, que lhe confere um maior controlo de bola e rapidez, fazendo com que seja muito difícil de lhe roubar a bola num momento de um contra um.

Pedro Empis já dá cartas pela seleção das quinas Fonte: UEFA
Pedro Empis já dá cartas pela seleção das quinas
Fonte: UEFA

Para além de dar cartas na equipa do Sporting B, onde já foi amplamente elogiado e em que tem espaço para se desenvolver cada vez mais, o jogador já é opção para as seleções portuguesas. Conta, para já, com 25 internacionalizações feitas, na sua maioria, pela seleção sub-19, pela qual já marcou um golo. Participou no Campeonato da Europa deste escalão, em que Portugal foi batido pela França, fez um jogo pelos sub-20 (no qual jogou 87 minutos) e entra também já nas contas de Rui Jorge, para a seleção sub-21. Prova disso foi a confiança depositada no jogo frente ao Liechtenstein, onde entrou aos 69 minutos para o lugar de Ricardo Horta e ainda chegou a fazer uma assistência para outro leão, Rúben Semedo.

É assim explicável o porquê de Bruno de Carvalho ter renovado contrato com o jovem de dezanove anos até 2019, onde blindou a sua cláusula de rescisão por 45 milhões de euros, que poderá ser uma boa opção para a defesa leonina no futuro. Até lá, resta-nos esperar que continue a desempenhar o seu trabalho com a dedicação a que nos tem habituado.

Anúncio Publicitário

Fonte: Facebook de Pedro Empis

Comentários