Tal como num jogo de Xadrez, num campeonato de futebol, são muitas as jogadas possíveis e possíveis caminhos para a vitória… chegou a hora de estudar as melhores jogadas e caminhos!!!

Jorge Jesus queixou-se do tempo… do tempo que não tinha para conseguir trabalhar os seus jogadores! Agora, vai ter esse tempo para alinhar ideias com aqueles jogadores que acabaram de chegar ou com os menos utilizados no plantel.

Esta paragem pode (e deve) trazer melhorias para a equipa orientada por J.J.

O treinador dos leões por norma faz sempre boas pontas finais de campeonatos e acredito que esta paragem chegou na melhor altura para o plantel leonino. Também é verdade que não vão estar todos os jogadores disponíveis (temos muitos ao serviço das suas selecções), mas chegou a oportunidade de se trabalharem jogadores como Wendel, Misic (que “acabaram” de chegar); Ruben Ribeiro e Montero (para entenderem melhor as ideias do treinador); Petrovic, Palhinha, Ristovski (serem alternativas “efectivas” ao onze titular); Rafael Leão (para poder procurar o seu lugar ao sol no plantel do Sporting).

Anúncio Publicitário
Rafael Leão terá que ser aproveitado ao máximo nesta ponta final de campeonato para poder dar rotatividade e competitividade à equipa
Fonte: Sporting Clube de Portugal

E aliado a isto, a recuperação física do plantel e criação de melhor fio de jogo. Vem aí uma ponta final infernal e todos serão necessários para as duras batalhas que se avizinham.

Jorge Jesus tem razão numa coisa, estamos na luta por todas as frentes e os nossos adversários não irão facilitar em momento algum. Mas não deve ficar o ónus no lado deles, mas sim no nosso. Não são eles que nos irão fazer a vida negra… somos nós que iremos correr mais, querer mais, jogar mais.