O Sporting CP conseguiu o melhor resultado no fim de uma primeira volta de sempre. O clube de Alvalade encontra-se a 11 pontos do SL Benfica e a seis pontos do FC Porto, estando isolado no primeiro lugar do campeonato! É necessário manter os pés no chão, porque o objetivo do clube é conseguir a entrada direta para a Champions de modo a garantir os “milhões europeus” que podem aproximar os leões do FC Porto e do SL Benfica em termos financeiros e, consequentemente, desportivos.

Sem dúvida que não ir à Champions é um descalabro, ainda para mais com o all-in que Frederico Varandas está a protagonizar: começou com Rúben Amorim e acabou com o mais recente reforço do Sporting CP, Paulinho. Mas será que Paulinho vem para garantir a Champions ou vem para garantir o título?

É óbvio que Rúben Amorim não vai admitir ou sequer falar da possibilidade do título nos próximos tempos para não colocar pressão sobre os seus jogadores e ainda mais óbvio é que Frederico Varandas vai seguir o discurso do treinador, mas a verdade é que com o passar do tempo, na primeira posição da tabela, os adeptos vão sonhando cada vez mais…

A verdade é que com a vinda de Paulinho, pedido expresso de Rúben Amorim, as expectativas aumentam devido ao facto de ser a transferência mais cara da história do clube: Paulinho vem para colmatar uma lacuna no plantel do Sporting CP e, sendo um jogador de qualidade, aumenta as possibilidades da equipa face ao que resta da época.

Anúncio Publicitário
O internacional português, oriundo do SC Braga, é aposta do leão na maratona para o título
Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

Frederico Varandas sabe que não é um nome consensual no seio dos adeptos e sabe que o título, por ser muito importante no seio do clube e dos adeptos, lhe traz estabilidade e aceitação por parte dos sócios. Penso que este foi um dos motivos do esforço feito para contratar Paulinho: garantir a Champions, o título e trazer estabilidade para o clube.

Além disso, sabe também que agora o clube se encontra unido porque os resultados estão a ser bons, mas também sabe que, se algo descambar, vai ser o principal alvo dos adeptos. Ora, com o tão desejado campeonato conquistado, recebe o respeito da massa adepta leonina, algo que ainda não teve por completo desde que é presidente.

Quanto a Paulinho, parece-me um grande jogador que pode dar muito à equipa e que conhece a forma de jogar de Rúben Amorim e portanto, em termos desportivos, é uma grande mais valia. Por outro lado, em termos financeiros, é um negócio pior devido aos contornos do mesmo. Considero que é mesmo um all-in. Se o Sporting CP entrar na Champions, o all-in compensou e fica pago. Se falhar o apuramento para a liga milionária, pode deixar um grande fosso nas contas do clube.

É preciso arriscar para conquistar e eu considero que os sportinguistas acreditam neste risco devido às provas que o treinador e a equipa já deram! Resta continuar assim e levar o clube à glória desportiva… e também financeira!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome