Muito se falou sobre os contornos da transferência de Paulinho para o Sporting CP. Foi surpreendente para alguns – pelo investimento e possível não retorno financeiro – mas a verdade é que a influência do português a nível desportivo e no modelo de Rúben Amorim será uma mais valia e terá sido sobretudo o maior argumento para a sua contratação e esforço pela SAD leonina.

O avançado de 28 anos chegou e pouco treinou. contudo, ainda assim, foi titular e estreou-se mesmo de leão ao peito diante o CS Marítimo. Se já considerava castrador analisar Paulinho apenas pelo número de golos que faz, este jogo foi uma prova disso mesmo. Paulinho tem uma capacidade de influenciar o jogo à sua volta e de beneficiar os seus companheiros de equipa.

O novo número 21 leonino demonstrou (novamente) a sua enorme capacidade em ligar o setor do meio-campo ao setor mais avançado, saltando muitas vezes para fora do bloco defensivo adversário acabando por atrair a pressão até a uma zona mais central e abrindo assim espaço para os seus companheiros de ataque aproveitarem o espaço aberto nas costas da defensiva contrária.

Paulinho é um avançado móvel, joga entrelinhas e, normalmente, cria e oferece mais oportunidades do que aquelas que aproveita
Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

O Sporting CP ganha novas dinâmicas dentro da própria dinâmica coletiva, através da versatilidade e variabilidade que o avançado consegue garantir. Contra blocos defensivos que sobem e se expõem, acabam por permitir espaço para o Sporting CP explorar a profundidade, mas caso decidam não sair na pressão, a linha defensiva acaba por deixar mais espaço entrelinhas, facto que permite a Paulinho operar da forma como mais gosta.

Anúncio Publicitário

Demonstra muita capacidade associativa e continua a demonstrar o seu altruísmo na forma como procura servir os colegas de equipa, apesar de nunca deixar de procurar atacar de forma inteligente a baliza adversária. Segura bem a bola de costas para a baliza, consegue virar o centro de jogo rapidamente e de forma assertiva, acrescentando ainda alguma capacidade física, – face a TT – mas também qualidade técnica.

Poderá permitir ao Sporting CP alterar os seus movimentos de apoio-rutura, podendo por vezes até apresentar uma estrutura com dois avançados e um médio nas costas dos avançados, permitindo trocas entre Paulinho e Pote. O facto de conhecer o modelo permitiu um maior conforto e demonstrou uma estreia com ações simples mas certas, que deixam no ar um indício de um futuro promissor em Alvalade.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome