Anterior1 de 2Próximo

sporting cp cabeçalho 2

As equipas B de um clube já não é algo raro em Portugal. Desde a sua implementação na segunda liga, em 2012/2013, que se tornaram tanto um hábito como uma polémica no futebol português. Inclusive em campeonatos inferiores, como em distritais, começam a aparecer destas equipas.

No início, via a equipa B do Sporting como um estaleiro; afinal, nem todos podem jogar na equipa principal e, caso um jogador se lesionasse, era necessário um local onde ganhasse ritmo de jogo para depois atuar ao seu melhor nível. No entanto, apercebi-me que não era apenas isso. Temos muitos jogadores de qualidade na segunda equipa do Sporting Clube de Portugal.

Exemplo disso são jogadores como Paulo Oliveira, Tobias Figueiredo, Matheus Pereira (todos que já atuaram esta época pela equipa principal na primeira liga por mais de uma vez) ou Podence, Ryan Gauld, e Francisco Geraldes, atual melhor marcador dos leões, que cada dia mais dão provas firmadas que o Sporting CP tem qualidade suficiente para um futuro na competição principal.

Matheus marcou os dois golos no "derby B" e festejou com os colegas Fonte: Instagram Oficial de Matheus Pereira
Matheus marcou os dois golos no “derby B” e festejou com os colegas
Fonte: Instagram Oficial de Matheus Pereira

Os resultados estão à vista: apesar de um modesto sétimo lugar na Ledman Liga Pro, os jovens sportinguistas (sim, jovens; a média de idades deste plantel é de 21 anos, sendo a sua esmagadora maioria portugueses!) estão na sua melhor fase esta época, sendo que não perdem há seis jogos e os últimos quatro foram vitórias.

Aliás, bateram, na última jornada, a equipa B do Benfica por 2-1, contando ainda com uma magnífica defesa de um penálti do guarda-redes Stojkovic, com ambos golos marcados por Matheus Pereira. Outro dado curioso: na equipa inicial, apenas o escocês Ryan Gauld não fazia parte da formação dos leões, outra demonstração do ótimo trabalho que se tem vindo a desempenhar nos escalões de formação do clube. Esta aposta está a dar frutos, está a dar mais-valias ao clube, mais valorização e ainda a promover possíveis soluções para quando correr alguma coisa mal na equipa principal. 

Anterior1 de 2Próximo

Comentários