Um Sporting ainda sem caras novas

    O Sporting CP mostrou-se pela primeira vez aos adeptos, mas sem a nova estrela da companhia e, para já, único reforço para a nova temporada, Viktor Gyokeres.

    Amorim apresentou algumas novidades no onze inicial mesmo tendo pela frente um adversário que se encontra numa fase mais adiantada da sua preparação. Gyokeres, reforço que toda a gente queria observar, ficou na bancada. Em contrapartida, foi possível ver em ação nomes como o Eduardo Quaresma, o Afonso, o Chermiti e até o “novo Inácio”!

    Cedo se percebeu uma nova nuance no modelo de jogo do Sporting, com o Gonçalo Inácio a assumir novas funções a 6 durante a fase de construção, recuando para uma linha de 4 defesas no processo defensivo! Já sem bola a equipa orientada pelo Amorim pressionou em 442, com Pote e Trincão a preencher terrenos interiores.

    Os Leões arrancam bem a partida e chegam ao golo antes do cronómetro marcar os 10 minutos. Trincão inaugura o marcador, após uma grande desmarcação de Morita para Chermiti, que após um bom trabalho sobre o defesa adversário, assistiu o extremo português. Os Belgas chegam rapidamente ao empate, num lance em que o Sporting tentou sair a jogar desde trás. Matheus Reis e Franco Israel ficam mal na fotografia, com o guardião uruguaio a deixar a bola escapar em zona proibida.

    Daniel Bragança
    Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

     Na segunda parte, Rúben Amorim mexeu uma peça ao intervalo: Entra Bragança para o lugar de Morita. Grandes expectativas para o regresso, após lesão prolongada, do “maestro leonino”! Contudo, o intervalo só trouxe de diferente a presença de Bragança, uma vez que o Sporting continuou a insistir na mesma estratégia e a não corrigir alguns dos problemas, do primeiro tempo e até diria da época passada, o capítulo da finalização. Pedia-se mais dinamismo aos jogadores do Sporting, que ainda se estarão a adaptar a esta nova filosofia de jogo inspirada em Guardiola.

    Nos instantes finais, o jogo aqueceu. Após largos minutos de alguma monotonia, que era quebrada quase sempre que o Afonso pegava na bola, tanto os Leões como os vice-campeões belgas dispuseram, de boas oportunidades para marcar. Alguma falta de discernimento dos jogadores leoninos deixou o técnico do Sporting visivelmente irritado.

    📝 DESTAQUES DO JOGO:

    ➡️ Gonçalo Inácio: Testado numa nova posição! Algumas dificuldades a construir jogo, devido a não conseguir ver o jogo de frente, tal como está habituado a fazer. Acredito que consiga melhorar, quando estiver mais rotinado.

    ➡️ Edu Quaresma: Mais maduro e concentrado, mostrou capacidade física pelo corredor. Boa exibição do jovem que está a fazer de tudo para recuperar o tempo perdido e assegurar uma vaga no plantel.

    ➡️ Afonso Moreira: Muito irreverente e atrevido. Quis mostrar serviço, os adeptos gostaram, mas faltou assertividade no momento da decisão. Só quem não conhecia o Afonso poderá estar surpreendido com a sua exibição. Muito potencial. Uma das maiores promessas saídas de Alcochete nos últimos anos!

    ➡️ Chermiti: Cada vez mais evoluído! Cresceu fisicamente e está mais ligado ao jogo da equipa. Sempre muito batalhador nos confrontos físicos, explorou bem a profundidade no lance do golo, em que assistiu Trincão.

    ➡️ Trincão: Gostei muito do seu jogo! Vi um jogador diferente do da época transata. Senti que está bem fisicamente, soltinho! Autor dos golos dos Leões e teve nos pés o 2-1 nos minutos finais…

    ➡️ Bragança: Primeiro jogo após o regresso de lesão. Vem com o perfume de sempre e fez 45 minutos impecáveis.

    ➡️ Matheus Reis: Exibição manchada pelo erro no passe que deu origem ao empate! Foi alternando entre central esquerdo e lateral, mediante o momento do jogo.

    ➡️ Franco Israel: Infelicidade no lance do empate, onde também acabou por ter alguma culpa. Infelizmente, não teve oportunidade de se redimir, na medida em que não teve grande trabalho ao longo dos 90 minutos.

    ➡️ Edwards: Apagado do jogo e com más decisões. Em bom português, “não deu uma para a caixa”! Notou-se que ainda está “enferrujado”.

    - Advertisement -

    Subscreve!

    PUB

    spot_img

    Artigos Populares

    Diogo Gilvaz
    Diogo Gilvaz
    O Diogo é um jovem de 21 anos, natural de Matosinhos, no distrito do Porto, o que não o impediu de criar uma forte ligação com o Sporting Clube de Portugal, por influência do seu pai. É licenciado em Gestão pela Faculdade de Economia da Universidade do Porto. Escreve com o novo acordo ortográfico.