Anterior1 de 2Próximo

Cabeçalho Futebol NacionalMais uma Taça de Portugal que está a chegar às suas fases finais, mais uma época de surpresas. Na próxima fase a ser disputada, os quartos-de-final, estarão presentes três equipas de escalões inferiores, sendo que duas delas disputam o terceiro escalão do futebol português. Caldas SC e SC Farense, juntam-se ao representante da segunda liga, o CD Cova da Piedade, como as grandes surpresas até ao momento na competição. E uma coisa é certa, as meias-finais terão um representante do terceiro escalão, uma vez que os dois representantes ainda em prova se defrontam na presente eliminatória.

Apelidada de “a festa da taça”, esta competição é propícia a surpresas, uma vez que até às meias-finais as eliminatórias se resolvem em apenas um jogo, facto que dá mais possibilidades de vitória aos clubes de menor nomeada. São portanto constantes as surpresas, e apesar do palmarés da competição ser claramente dominado pelos três grandes de Portugal, existem vários outros clubes que conseguiram conquistar a competição, e muitos outros que surpreendentemente lograram disputar finais da segunda competição mais importante do nosso calendário.

Braga vence a segunda Taça de Portugal Fonte: radioregional.pt
Braga vence a segunda Taça de Portugal
Fonte: radioregional.pt

O SL Benfica, com 26 vitórias, e o FC Porto e o Sporting CP com 16 cada, são os dominadores, mas na lista de vencedores existem mais nove clubes presentes. Aos três grandes, segue-se o Boavista FC, que já conquistou a competição em cinco ocasiões. Neste caso, não podemos falar propriamente numa surpresa, uma vez que o clube axedrezado disputou durante bastante tempo os primeiros lugar da primeira liga com os três grandes, lutando pelo título do primeiro escalão que acabou por conquistar também por uma ocasião. De seguida nesta lista, aparece outro dos clubes com mais história no nosso futebol, o Vitória FC, com três títulos em dez finais disputadas. Os setubalenses são o clube com mais finais disputadas, à exceção dos três grandes. Com o mesmo número de conquistas, surge outro clube campeão nacional, o CF “Os Belenenses”. O “Belém” conquistou três das oito finais que disputou.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários