Escrevo estas breves linhas para que que vós, comunicação social, possam retratar as mesmas nos vossos diferentes meios de comunicação. Faço-o, porque nestas últimas semanas se tem dito muita coisa: muitos elogios, muitas palavras de agrado e de perfeita justiça ao projecto desportivo do nosso clube. No entanto, também algumas que roçam a mediocridade, que só posso entender como inveja pelo trabalho que está a ser realizado neste imenso clube.

Somos líderes do nosso Campeonato, mas sei bem que essa coisa de lutarmos pelo título, ou de sermos o ‘novo’ Leicester City FC, não passa de uma idiotice. Como poderia um clube acabado de subir à Primeira Liga, 25 anos depois, de lutar pelo título nacional perante o poderio (no relvado e também fora dele) dos nossos queridos ‘três grandes’? Sabem quantos milhões o Leicester investiu no ano do inédito título?

Não! Não serei campeão na época 2019/2010, e não sonho ser campeão esta época. Impossível! Afinal, quem quer o FC Famalicão a lutar pelo título nacional? A comunicação social que continua a ver quase exclusivamente os três maiores do nosso país? O SC Braga que quer manter o estatuto de clube mais forte extra grandes? O Vitória SC que acredita ter quase tudo para substituir o Braga no pódio dos menos grandes? O ‘malogrado’ CF Os Belenenses ou o Boavista FC que podem continuar a dizer serem os únicos que acabaram com a hegenomia dos “grandes”?

O FC Famalicão é o ‘surpreendente’ líder isolado da Primeira Liga
Fonte: FC Famalicão

Temos um projecto inovador para um clube desta dimensão. Muitos nos haviam criticado. Muitos que agora, paulatinamente, nos vão dando palmadinhas nas costas, esperando talvez que possamos começar a fraquejar o quanto antes. Quantos ouvi por aí dizer que este era um projecto demasiado arrojado, que estes jogadores viriam (grande parte deles) com o estatuto de ‘estrelas’ e que viriam passar férias para o nosso Famalicão? Que este passo era maior que a perna? Que o nosso treinador não teria ‘unhas para esta guitarra’? Que acabaríamos a descer da Primeira Liga? Afinal parece que se enganaram…

Acreditámos e acreditamos que este é o caminho. Que temos de apostar nesta juventude toda, alguns já com provas dadas, outros com enorme qualidade. Qualidade que talvez os clubes ditos ‘mais pequenos’ não estejam habituados. Sabemos que todos têm os olhos em nós. Mas mesmo quando não nos olharem como olham agora, estes jogadores, esta equipa técnica e esta direcção estarão a ter a mesma postura que actualmente: a trabalhar diariamente, com amor ao que fazem, dedicação e com a qualidade que se tem visto.

Por fim, agora que se aproxima o jogo em Alvalade, já sei o que se dirá: se não perdermos seremos ainda alvo dos holofotes de todos vós. Se perdermos começará provavelmente a debandada da atenção mediática de que a nossa equipa tem sido alvo. No entanto, qualquer que seja o resultado, e o futuro dos resultados finais das próximas jornadas, uma coisa tenho certa: a qualidade manter-se-á, este Famalicão dignificará a sua terra natal, os seus adeptos, e terá sempre como principal foco o bom futebol, pensando mais além mas com os pés bem assentes na terra. E no final do dia todos dormiremos de consciência tranquila.

Que continuem a falar muito de nós.

Cumprimentos a todos,

Jorge Silva

Presidente do FC Famalicão

Qualquer semelhança com a realidade é pura coincidência

Foto de Capa: FC Famalicão

 

Comentários