Da cidade de Vila Nova de Gaia para os Estados Unidos da América. Do Vasco da Gama para os Cleveland State Vikings. Hugo Ferreira é mais uma das estrelas portugueses que deixa a sua marca no basquetebol universitário americano, a par de Neemias Queta e Diogo Brito.

As atuações do base de 18 anos não têm passado despercebidas na NCAA, ao alinhar em 26 encontros e contar com uma média de 4.6 pontos, 1.3 ressaltos e 1.4 assistências na época atual (que continua suspensa). Foi considerado freshman da semana na Horizon League (divisão onde se encontram os Cleveland State Vikings) e foi o primeiro Viking a receber este prémio.

Hugo Ferreira foi um dos grandes destaques da Divisão B do Europeu de Sub-18, apesar da sexta posição alcançada por Portugal. Com uma média de 15,5 pontos, 5 ressaltos e 3,4 assistências por jogo, o jogador gaiense conta certamente com um futuro auspicioso pela frente.

Anúncio Publicitário

Mesmo com apenas 1.85 metros de altura, é um base com uma enorme postura atacante que não demonstra medo em enfrentar qualquer tipo de adversário, quer a nível ofensivo como defensivo. Hugo Ferreira apresenta também uma frieza brutal nos lances que disputa e uma visão de jogo excecional, tendo a capacidade de levar os lances até ao seu destino, quer seja este o cesto ou um colega de equipa.

O caloiro de Cleveland State exibe um enorme potencial a nível de estilo de jogo e, mesmo só observado a “olho nu”, prevê-se uma carreira sorridente para o jovem.

Foto de Capa: CSU Basketball

Artigo revisto por Diogo Teixeira