Anterior1 de 6Próximo

Devido à falta de argumentos financeiros dos clubes portugueses, ao aumento do fosso para os gigantes da Europa e às mudanças de estratégia no mercado internacional, as transferências internas são, atualmente, uma realidade cada vez mais frequente.

Longe dos tempos em que Portugal era a porta de entrada dos maiores talentos sul-americanos na Europa (cada vez mais os ‘tubarões’ vão buscar os futuros craques diretamente ao seu país de origem), os clubes lusos são obrigados a virar-se para dentro na hora de procurar reforços.

Assim, depois de casos de sucesso como Marega, Soares ou, mais recentemente, Raphinha, eis cinco jogadores que podem ser os próximos a subir o nível no mercado de Janeiro.

Anterior1 de 6Próximo

Comentários