4.

Fonte: Premier League

West Ham United Football Club – Os Hammers estão há três anos presos no mesmo ciclo vicioso: contratações aparentemente boas no verão; criação de expectativas por parte dos adeptos; desilusão destes quando veem a sua equipa a lutar por ficar na metade superior da tabela, muito longe dos lugares europeus.

Este verão, Felipe Anderson, vindo da SS Lazio a troco de 35 milhões de euros, trazia novo entusiasmo aos fãs. Mas a equipa parece continuar sem conseguir quebrar o enguiço do Estádio Olímpico de Londres, a nova casa do emblema de Stratford. Desde que para lá se mudou, vindo do histórico Boleyn Ground, a equipa atualmente treinada por Manuel Pellegrini tem tido sérias dificuldades em encontrar a forma que tinha na sua antiga casa. Quer seja pela falta de atmosfera, pela pouca familiaridade ou simplesmente coincidência, os hammers ainda não criaram boas memórias na sua nova casa.

Uma coisa é certa: tendo em conta o investimento feito, um 13º lugar é muito abaixo daquilo que a estrutura do clube e os seus adeptos esperavam.