8.º – Obrigado, Jonas!

Fonte: SL Benfica
Fonte: SL Benfica

Março mostrava-se um mês gigante e decisivo para as competições em que o Benfica se encontrava a competir. Para acabar o mês, havia deslocação ao sempre complicado Bessa. Esperava-se jogo difícil e as expetativas não foram negadas.

Após 90 minutos com o coração a bater mais depressa, o resultado mantinha-se inalterado. Com o nulo, o Sporting ficaria em igualdade pontual com o Benfica e o campeonato poderia ficar em risco. Contudo, o grito de golo que se entalava nas gargantas dos adeptos encarnados soltou-se alto e feroz quando Jonas quebrou o gelo e garantiu a vitória frente ao Boavista, quatro minutos após o tempo regulamentar. Que alívio!